Viva Bem

Gestos simples podem garantir a diversão nas festas de fim de ano sem constrangimento

Manter o clima harmônico faz parte da festa e evita dores de cabeça

Equilíbrio na bebida é uma das formas de passar as festas de forma tranquila
Equilíbrio na bebida é uma das formas de passar as festas de forma tranquila - Freepik.com
Descrição de chapéu Agora
Leandro Vieira
São Paulo

Festas de fim de ano pedem descontração, mas especialistas dão dicas para acertar o tom. "O ideal é buscar equilíbrio”, afirma Edna de Oliveira, consultora de recursos humanos. "Mas evitar gafes deve ser natural”, diz Thais Garcia Oliveira Lima, professora de hospitalidade do Senac. “As atitudes devem reforçar a harmonia e o clima bom."

Um conselho de Fabio Arruda, consultor de etiqueta, é "evitar exageros para não sofrer com ressaca moral”. Comumente anfitriã, Helen Gatz Mochinaga, analista de segurança de TI, 28 anos, sugere jogo de cintura. “Meus convidados já guardaram móveis em um quarto para ter espaço. Foi divertido.”

 

Dicas dos especialistas na hora da festa

  1. Evite exageros com bebidas alcoólicas para fugir de constrangimentos e fofocas futuras.

  2. Dose brincadeiras e comentários inconvenientes --nem todos podem achar graça.

  3. Aproveite para conhecer ou rever pessoas, ou para interagir com gente de outro setor.

  4. Reconheça o ambiente. Se profissional, evite atitudes que possam prejudicá-lo adiante.

  5. Não force a barra na simpatia, se não houver essa troca no dia a dia. Pode soar falso.

  6. Se a festa for em casa, tenha noção do seu espaço para não apertar convidados.

  7. Segure-se para, na euforia, não compartilhar impressões “sem filtro” sobre convidados.

  8. Evite falar de trabalho ou problemas de família nessas reuniões.

  9. Procure saber como é o local e o perfil da festa, para não destoar no figurino.

  10. Se for o anfitrião, seja gentil e hospitaleir.

O MAIS IMPORTANTE

Seja você. Apesar da etiqueta, a personalidade deve estar acima de tudo

Fontes: Fabio Arruda, consultor de etiqueta; Edna de Oliveira, consultora de RH e vice-reitora de Gente e Gestão da Unisuam (Centro Universitário Augusto Motta); e Thais Garcia Oliveira Lima, professora de hospitalidade do Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) de São Paulo.

Agora
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias