BBB19

Vice-campeão do 'BBB 19', Alan diz que quer ficar com Hana, e não com Carol Peixinho

Alan evitou falar sobre possíveis rixas com colegas do reality e também rejeitou o apelido de 'planta'

São Paulo

Segundo colocado no 'Big Brother Brasil 19', Alan, 26, disse ter duas certezas pós-confinamento: ele quer continuar ficando com Hana, 22, com quem teve um affair no reality, e também deseja "ficar uma semana grudado com a mãe".

O vice-campeão deixou claro que não tem nenhuma dúvida entre Hana e Carol Peixinho, 34, com quem trocou carícias no reality após a saída da youtuber carioca.

"Eu e a Carol éramos muito amigos. Assim que vi a Carol no primeiro dia, achei ela interessante, mas logo depois conheci a Hana e a gente começou a se envolver", declarou Alan ao F5. Ele disse também que sentiu muito a falta de Hana na casa.

Alan evitou falar sobre possíveis rixas com colegas do reality e também rejeitou o apelido de "planta" que recebeu de parte do público, por ter mantido uma postura discreta na atração.

Alan, vice-campeão do BBB19
Alan, vice-campeão do BBB19 - Victor Pollak

"Esse é meu jeito mesmo. Tentei ser verdadeiro do começo ao fim do programa."

Ele aproveitou para falar sobre os brothers por quem tem mais carinho: "Rô e Gabi foram os que mais me ensinaram no programa."

Alan afirmou que, se tivesse vencido o reality, doaria metade do prêmio para alguma instituição.

"Mas com os 150 mil, tenho que pensar. Tenho que ver como está minha família."

O vice-campeão elegeu três momentos que considerou terem sido os mais marcantes para ele no 'BBB 19': "Quando ficamos algemados, pela troca de experiências e de sintonia, quando a Hana saiu, que foi um choque, e na última prova que fui líder".

Surpreso com a desclassificação de Hariany às vésperas da final, ele relembrou o momento em que a casa foi avisada sobre a saída da sister, ocorrida por causa do empurrão que havia dado em Paula na noite anterior.

"Quando a Hari foi para o confessionário, achei que era para solicitar um remédio ou algo do tipo. Mandaram a gente ir para a sala e fiquei assustado.  Pensei que pudesse ser algum incidente com a família dela. Fiquei em choque quando soube."

Sobre as supostas declarações com teor intolerante e racista da campeã do 'BBB 19', Paula, 28, ele disse que não se lembra de ter ouvido nada parecido.

"A Paula era oito ou oitenta, tinha o jeitão dela", finalizou.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias