BBB19

BBB 19: Tiago Leifert quebra silêncio e se posiciona ao vivo sobre comentários polêmicos

Caso é investigado e pode levar à desclassificação

Casa Big Brother Brasil 2019 - BBB 19 - O apresentador Tiago Leifert
Casa Big Brother Brasil 2019 - BBB 19 - O apresentador Tiago Leifert - Divulgação TV Globo
São Paulo

Nesta quinta-feira (14), Tiago Leifert comentou ao vivo sobre a polêmica envolvendo os comentários dentro do BBB 19 considerados racistas pelos internautas.

Após cobranças de espectadores do reality show, o apresentador disse que o caso está sendo investigado. 

"Muitas vezes eles conversaram entre eles mesmos e se entenderam. Algumas coisas passaram batido lá dentro, mas não passaram aqui fora. Os vídeos com as falas foram enviados às autoridades competentes e estes vídeos estão em avaliação", disse. "Dependendo do parecer das autoridades, o programa tomará providências como sempre fez."

"A diversidade é um dos pilares da empresa, isso está claro na nossa programação, está claro quando você anda nos Estúdios Globo. Então por enquanto a gente vai seguir o nosso jogo com o olhar sempre atento", completou Leifert. "Obrigado a todo mundo que se manifestou."

A polícia do Rio já havia confirmado nesta segunda-feira (11) que está investigando comentários racistas e preconceituosos dos participantes dessa 19ª edição. Ela não informou quem são os participantes envolvidos na polêmica, mas internautas já apontavam problemas em falas de Paula e Maycon.

Um dos comentários mais criticados foi quando Paula afirmou a Diego e Hariany que tem medo de Rodrigo por ele ter contato “com esse negócio de Oxum”. Ela chegou a ser alertada pela amiga de que poderia ser considerada preconceituosa, mas Paula continuou: “Mas eu não sou não... nosso Deus é maior”. 

Já Maycon foi acusado de intolerância religiosa por internautas após falar ter sentido um arrepio enquanto ouvia umas músicas esquisitas, dançada por Rodrigo e Gabriela. “Olhei para os dois, num sincronismo legal. Achei legal, juro por Deus. De repente, comecei a olhar e escutar uns negócios. ‘Não faça igual a eles’. Aí veio Jesus Cristo em minha mente. ‘Não para aqui. Para a vida inteira. Se fizer igual a eles, eles ganharão mais força’. Eu não sou doido”.

No Twitter, internautas chegaram a criar a hashtag #BastadeRacismoNoBBB e criticaram os comentários dos brothers. “Infelizmente existem muitas pessoas tóxicas que nunca vão entender a causa da luta contra o racismo”, disse um. “Todo dia um caso de racismo no BBB e no Brasil que ninguém liga”, afirmou outro. 

A Globo chegou a afirmar em nota que “qualquer manifestação pessoal, equivocada ou não, feita pelos participantes do programa, não reflete o posicionamento da emissora”.

Essa não é a primeira polêmica dessa edição do BBB. O participante Vanderson foi desclassificado e deixou a casa, após ser intimado a prestar depoimento em inquérito instaurado, após receber denúncias por importunação sexual, estupro e violência doméstica.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias