BBB18

'Se quiser julgar meus atos, tem que parir primeiro', diz Ayrton após vigiar filha no 'BBB 18'

Ayrton, na sala do 'BBB 18'
Ayrton, na sala do 'BBB 18' - Divulgação/TV Globo

São Paulo

Após vigiar a filha na festa "Arrasta-pé" —e divertir internautas nas redes sociais— Ayrton, o patriarca da família Lima, voltou a falar sobre a marcação cerrada que vem fazendo na filha, Ana Clara, nesta quinta (31), em conversa com outros confinados na sala da casa. 

"Ela pode ficar com o menino e fazer o que ela quiser, desde que não ultrapasse os limites. A bebida tira a sua consciência. Sei que as pessoas podem me julgar, mas só quem é pai pode falar", disse Ayrton, que ainda ressaltou que a filha "é jovem" e "tem que aproveitar". 

A bruxinha Ana Paula concordou com Ayrton. "Tu é pai, tu tá certo. Tu pode pegar ela pelas orelhas".

Patrícia também fez coro a Ana Paula. "Pai é pai, só que o melhor para a filha."  

'CRESCI'

Mais tarde, em conversa com outros participantes, Ana Clara, que beijou Breno pela primeira vez na festa com o DJ Alok, reclamou da postura do pai. 

"Ele sabe a filha que ele tem. Mas acho que ele precisa entender que eu sou uma pessoa, não sou braço dele. Já cresci."

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem