BBB18

Após show no 'BBB 18', Naiara Azevedo revela quem mais chamou sua atenção na casa

A diva sertaneja fez um show de arrepiar na festa da última quarta (7)

Show Naiara Azevedo na festa Femineja
Show Naiara Azevedo na festa Femineja - Paulo Belote/Globo

São Paulo

Pelo jeito, Naiara Azevedo ficou tão encantada pelos participantes do "BBB 18" quanto eles por ela. No show emblemático da festa Femineja, na quarta (7), a cantora desceu do palco, mudou de roupa e até cantou e dançou hits de funk.

Em entrevista ao "F5", ela revela quem foram os participantes que mais chamaram sua atenção: Kaysar, que deu um show à parte no palco, e Patrícia, que era a fã mais empolgada do show. Ela também mencionou o galã da festa, Breno.


'BBB 18': Caruso e Gleici desistem da prova do líder e Nayara é eliminada
Doente, Ana Paula é a primeira a deixar prova de resistência no 'BBB 18'
Participantes do 'BBB 18' se enfrentam em nova prova de resistência
Paula e Jéssica criticam Jaqueline, eliminada do 'BBB 18': 'expõe muito o corpo'


"Todos os participantes estavam numa 'vibe' incrível no show, mas alguns realmente se jogaram na pista. Um dos que eu senti uma 'vibe' muito boa foi o Kaysar e a Patrícia. A energia transbordava pelos olhos. O Breno também estava muito legal", elogiou.

​FUNKEIRA, EU?

Eclética e dona de muita presença de palco, Naiara Azevedo não deixou faltar no setlist os maiores hits do funk atual, como "Que Tiro Foi Esse", de Jojo Todynho, e "Olha a Explosão", de MC Kevinho. Mas ela reitera que sua praia mesmo é o sertanejo.

"Eu adoro funk, tem algumas músicas que não podem faltar no show. Mas são só participações, não é o estilo que eu pretendo investir. Sou sertaneja mesmo", afirmou ela, que acredita que no meio do funk também é possível um movimento empoderador das mulheres.

"Acho que em toda profissão que tem um destaque pelo movimento feminino, há mais chances de trabalho para as mulheres, seja nos palcos, seja na parte empresarial", opinou.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem