Televisão

Série sobre a apresentadora Hebe será transmitida pela Globo a partir do dia 30

'Hebe' é mais uma série do Globoplay levada à TV aberta na pandemia

Andréa Beltrão em cena da série "Hebe"
Andréa Beltrão em cena da série "Hebe" - Divulgação
São Paulo

A série “Hebe”, que estreou no Globoplay em dezembro do ano passado, chega agora à TV aberta. A Globo anunciou nesta quinta (2) que a trajetória da apresentadora Hebe (1929-2012) poderá ser vista todas as quintas-feiras a partir do dia 30 de julho. Ao todo, a produção tem dez episódios.

A série é um projeto complementar ao filme “Hebe - A Estrela do Brasil”, que chegou aos cinemas em setembro de 2019. O trabalho é encabeçado pela roteirista Carolina Kotscho, com Maurício Farias na direção artística e Andréa Beltrão no papel da apresentadora, conhecida pelo seu visual extravagante e posições fortes.

Enquanto o longa se concentra nos anos 1980, quando Hebe troca a Band pelo SBT, a série comtempla praticamente a vida inteira da artista, desde os 14 anos até sua morte. A atriz Valentina Herszage, 21, interpreta a artista da adolescência até os 28 anos. A partir daí, Beltrão assume o papel, que interpretou nos cinemas.

A Globo tem investido nas séries produzidas pelo grupo para compor a grade durante a pandemia, que suspendeu também a produção de programas novos ou em andamento. Além de “Hebe”, a emissora já transmitiu “Aruanas” (2019), também da Globoplay, e reprisará a partir de terça (7) “Cine Holliúdy” (2019).

Segundo a Globo, muitos cenários estão sendo estudados para o retorno das gravações de novelas e outras produções. Apesar de não haver uma data confirmada, há especulações de que os estúdios sejam abertos ainda no final deste mês. Com isso, as novelas suspensas poderiam voltar ao ar em outubro.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem