Televisão

Após reunião do elenco, primeira versão de 'Chiquititas' vai ganhar série documental

No último sábado (11) atores participaram de uma live

Atores do elenco infantil brasileiro da novela "Chiquititas" na Argentina. - Diana Alterats/Folhapress
São Paulo

Exibida pela primeira vez em 1997, a novela "Chiquititas" (SBT) marcou a infância de muitos jovens e até hoje se faz presente na televisão brasileira. Com uma nova versão (2013) sendo reexibida na emissora de Silvio Santos –no lugar de "As Aventuras de Poliana" que chegou ao fim na segunda passada (2)– a primeira versão vai ganhar uma série documental.

A novidade foi confirmada no último sábado (11) durante uma transmissão ao vivo que reuniu os atores do primeiro elenco como Fernanda Souza, Flávia Monteiro, Nelson Freitas, entre outros. A live foi realizada para homenagear Gésio Amadeu, o eterno chef Chico, que hoje aos 73 anos está internado com Covid-19.

"Anos Depois", nome da série documental idealizada por Jander Veeck, vai reunir imagens inéditas dos bastidores e falar sobre a trama que marcou a geração do fim dos anos 1990. A direção será assinada pelo argentino Cristian de Ciancio.

Apesar de o projeto não ter data oficial de estreia, ele já possui até um trailer, que foi exibido durante a live. Artistas como Aretha Oliveira, Pierre Bittencourt, Carla Diaz, Débora Falabella, Sthefany Brito, Flávia Monteiro, entre outros atores que participaram da trama, também vão estar presentes na série, mesmo que indiretamente.

Durante a live, Fernanda Souza, que ficou conhecida após interpretar Milena Mili na trama dos anos 1990, chegou a chorar de emoção. Flávia Monteiro também comentou sobre o carinho pela obra. "Recebo muitas mensagens de carinho e amor. É muito louco como o tempo passa em um piscar de olhos."

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem