Televisão

'Malhação: Toda Forma de Amar' terá final antecipado para abril por causa do coronavírus

Globo vai suspender gravações das demais novelas e colocar reprises no lugar

Cléber (Gabriel Santana) e Anjinha (Caroline Dallarosa)
Cléber (Gabriel Santana) e Anjinha (Caroline Dallarosa) - Estevam Avellar/Globo
São Paulo

Em decorrência da pandemia do coronavírus, a Globo decidiu, nesta segunda-feira (16), antecipar o final da novela "Malhação: Toda Forma de Amar". Escrita por Emanuel Jacobina e com direção artística de Adriano Melo, o folheitm terá seu final antecipado para o mês de abril. A emissora não informou, porém, a data exata do término.

Após o encerramento da atual temporada, a Globo entrará com um compacto de "Malhação: Viva a Diferença", que foi escrita por Cao Hamburger e teve direção artística de Paulo Silvestrini. A nova temporada de "Malhação" estava prevista para o dia 11 de maio sob o título "Transformação".

"As novelas da Globo terão suas gravações paralisadas, o que vai comprometer suas exibições. Algumas terão seus finais antecipados e outras terão que ser interrompidas mesmo", disse a emissora, em nota, ao frisar que a atitude se deve para evitar o contato físico.

"É fundamental na estratégia da sociedade para conter a expansão do vírus. E não há novelas sem abraços, apertos de mãos, beijos, festas, cenas de briga, cenas de amor, cenas de carinho, tudo aquilo que reflete a vida real, mas que, hoje, não pode ser encenado em segurança. Interrompendo as gravações, protegemos nossos talentos e, ao mesmo tempo, a sociedade: evitando o contágio aqui, evitamos que ele se espalhe lá fora. O nosso primeiro compromisso é com a saúde de nossos colaboradores e do público."

MUDANÇA NAS DEMAIS NOVELAS

A mudança também vai afetar as demais novelas "Salve-se Quem Puder" e "Amor de Mãe", que terão a gravação suspensa a partir desta semana. A primeira será exibida até dia 28 de março, quando será feita uma pausa e será substituída. por uma versão compacta de "Totalmente Demais", escrita por Rosane Svartman e Paulo Halm.

Já o folhetim das nove, principal produto de dramaturgia da Globo, será exibida até o próximo sábado (21). As gravações de "Amor de Mãe" já haviam sido suspensas nos últimos dias. A Globo afirma que a novela de Manuela Dias vai parar no "momento em que a primeira fase chega ao ápice". No lugar dela, a emissora vai exibir uma versão compacta de "Fina Estampa", escrita por Aguinaldo Silva.

Como "Éramos Seis" está sua reta final, com término previsto para o dia 27 de março, a emissora afirmou que vai exibir "Novo Mundo" (2017) e adiar a estreia de "Nos Tempos do Imperador", que estava programada para começar no dia 30 de março.

A Globo não informou quando as gravações serão retomadas. Em nota divulgado à imprensa, a emissora afirmou que tem acompanhado o desdobramento do Covid-19 e tem tomado medidas para contribuir para conter o avanço da pandemia.

"A empresa tem consciência da importância do seu conteúdo para levar diversão e, sobretudo neste momento, informação para os brasileiros que estarão cada vez mais em casa nos próximos dias. Levando em conta a segurança das suas equipes e este compromisso da Globo com a sociedade, várias decisões foram tomadas e algumas delas o público verá refletidas na sua relação com os conteúdos de jornalismo, esporte e entretenimento, em todos os canais Globo de TV por assinatura, Globoplay e TV Globo", diz a nota.

PROGRAMAS DE VARIEDADES

A Globo também decidiu suspender os programas Encontro com Fátima Bernardes, Globo Esporte e Se Joga para dar mais espaço para cobertura jornalística da pandemia do coronavírus. O programa Mais Você, de Ana Maria Braga, já havia sido retirado da grade nesta segunda (16).

"No caso da TV aberta, que chega a quase 200 milhões de brasileiros, a Globo vai aumentar muito a presença do jornalismo, chegando a 11 horas de programação ao vivo consecutivas, das 4h da manhã às 15h. Com isso, alguns programas terão a sua exibição suspensa", diz a nota.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem