Televisão

Gianecchini diz que torce por Régis e Maria da Paz após redenção dele em 'A Dona do Pedaço'

Segundo ator, parte do público já 'shippa' ex-vilão e protagonista

Régis ( Reynaldo Gianecchini )
Cris Veronez
Rio de Janeiro

Apontado como um dos principais vilões no começo da novela “A Dona do Pedaço” (Globo), o personagem Régis, vivido por Reynaldo Gianecchini, 46, começa a angariar alguns fãs com sua aparente redenção e até o ator já torce para que ele conquiste a protagonista, Maria da Paz (Juliana Paz). 

“Como ator, não defendo exatamente o meu personagem. Acho que estaria tudo certo se a Maria da Paz ela ficasse com o Amadeu (Marcos Palmeira). Mas, como público, torço pra ela ficar com o Régis [risos]”, afirma ele, que já vê uma parte público também mudando de lado e “shippando” o casal. 

Outra parte ainda precisa ser conquistada, avalia ele: “Tem muita gente que ainda está brava com o Régis. Eu brinco que eu ainda preciso conquistar na base da unha esse público. Porque, de fato, o Régis pisou na bola durante muito tempo”, afirma ele, que na trama mantinha um romance com a enteada, Jô (Ágatha Moreira). 

Segundo Gianecchini, o perfil de sedutor do importador de vinhos não é incomum e muitas vezes as pessoas usam isso para tira proveito dos outros. “Acho que o brasileiro é bom nisso. É muito sedutor. A gente já nasce com um joguinho de cintura pra sedução, e tem gente que abusa um pouquinho disso”.

A mudança de Régis, no entanto, já era esperada, tanto pela convivência com Maria da Paz, que o ator descreve como cativante, como pelo trauma sofrido ao levar um tiro dela. “Às vezes é preciso acontecer uma coisa trágica ou um choque muito grande para a gente poder mudar. No caso do Régis, a possibilidade da morte faz ele repensar tudo”.

Acostumado a acompanhar a reação do público através das redes sociais, Gianecchini observa que os internautas que torcem para Régis têm consciência de que ele pisou na bola. No entanto, as pessoas acabam compadecidas com a faceta “iti-malia” que o personagem tem mostrado ao longo dos últimos capítulos.
 
“Eu acho muito engraçado que, nas redes sociais, quem já se declara ‘torcedor’ do Régis faz isso quase pedindo desculpas. Porque é meio politicamente incorreto torcer por ele. Mas eu acho que isso, com o tempo, vai se revertendo, porque ele realmente fica muito legal. Ele se transformou”, afirma.

BLOGUEIRINHO

Desde que estreou em “A Dona do Pedaço”, Reynaldo Gianecchini afirma ter ganhado cerca de um milhão de seguidores no Instagram. O ator agora é quase um “blogueirinho” e se diz surpreso com a nova faceta de si que descobriu. Vira e mexe, ele posta um vídeo dos bastidores da trama.

“Essa novela realmente tem uma galera talentosa e muito legal, e todo mundo é pé no chão. Não tem ninguém estrelinha. Comecei a fazer brincadeiras e fiquei com vontade de registrar esse lado que as pessoas talvez não conheçam dos meus colegas. Quando vi, eu não estava mais conseguindo parar [risos]”, afirma. 

“E o mais engraçado é que é muito espontâneo. Os vídeos não têm nenhuma edição. Como não temos tempo, às vezes o conteúdo sai em dois minutos, durante o intervalo para o café.”

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem