Televisão

'Jezabel': Acabe e Elias se desafiam com mais de 400 soldados no Monte Carmelo

Confira o que acontece na novela entre os dias 17 e 21 de junho

Acabe fica impressionado com o que Deus faz no Monte Carmelo
Acabe fica impressionado com o que Deus faz no Monte Carmelo - Edu Moraes/RecordTv
São Paulo

De autoria de Cristiane Fridman, a novela "Jezabel" é exibida às 20h45 na Record. ​

Segunda-feira (17)

Jezabel e sua comitiva levam pães já cortados para o povo de Samaria. Jezabel diz ao povo que isso é uma dádiva dos deuses fenícios. O povo grita em coro um sonoro “viva a rainha”. Aisha está com  Acabe no leito e pergunta se ele está ouvindo o barulho de fora. Aisha diz que o povo está sendo manipulado por Jezabel. Acabe diz que Deus os abandonou. Zedequias ouve a conversa. Raquel leva um pedaço de pão para casa e Yarin pergunta onde ela conseguiu o alimento. Raquel confessa que roubou o pedaço de pão do templo de Baal. Obadias entra no palácio com dois cachorros enormes. Obadias diz a Acabe que são presentes do rei Onri ao rei Etbaal. Jezabel contrariada diz que não quer os animais no palácio. Acabe acaricia os cães e diz que eles ficarão no palácio.

Terça-feira (18)

Queila em profundo sofrimento, chorando muito, fala com o filho morto. Hanniball na sala do trono diante de Acabe e Jezabel, diz que vai partir com Adad para Sarepta. Jezabel ordena que não falhe e traga Elias vivo. O médico diz à Aihsa que o seu estado inspira muito cuidado. Jezabel com um leve sorriso nos lábios. Elias chega e se depara com a desolação de Queila agarrada a Baruch, morto no chão. Queila olha com revolta para o profeta. Elias pega a criança no colo e o leva para o aposento e o coloca sobre o leito. Elias ora a Deus para que ressuscite a criança. Na sala, Queila está aos prantos, no chão. Deus ressuscita Baruch através da oração de Elias. Baruch grita pela mãe. 

Quarta-feira (19)

Jezabel e Tadeu com vestes fenícias, entram na sala do trono. Tadeu pergunta à Jezabel quando poderá ver sua família, ela responde que após tomar seu banho. Jezabel se vira e vai retirando suas roupas. Tadeu, surpreso, desvia o olhar. Obadias cansado, cavalgando ao lado do soldado e não encontra pasto. Obadias faz menção de voltar, mas percebe alguém ao longe. Obadias encontra com Elias. Hannibal vai até a casa de Barzilai e diz que não encontrou Elias, mas encontrou Queila e Baruch. Odadias diz a Acabe que não encontrou nada, estava tudo seco, sem vida. Obadias diz que encontrou Elias e que ele quer fala com o rei. Acabe chega em Elias, desmonta do cavalo e se aproxima dele.

Quinta-feira (20)

Elias e Acabe se encaram. Elias diz a Acabe que ele não confiou no Senhor e se uniu a Baal. Acabe diz que fez isso para salvar Israel das mãos dos assírios. Elias desafia Acabe e pede para reunir o povo de Israel no Monte Carmelo e também quatrocentos e cinquenta sacerdotes de Baal e mais quatrocentos do poste-ídolo de Aserá. Acabe questiona se é para morrerem em martírio. Elias o desafia, dás as costas para Acabe e parte. Acabe o observa confuso.

 

Sexta-feira (21)

Barzilai fica decepcionado com Queila ao saber que Baruch é filho de Hannibal. Barzilai diz a Levi, Queila e Baruch que Elias convocou a todos para irem ao Monte Carmelo. Acabe chega ao Monte Carmelo e encontra com Elias. Elias se encaminha para uma área mais destacada e se dirige aos israelitas e diz em voz alta que todos vão testemunhar que há apenas um Deus. Pigmaleão e Thanit rebatem a afirmação de Elias. Elias e Acabe se desafiam. Elias pede que tragam dois bezerros, dividam em pedaços e coloque sobre a lenha, mas não coloquem fogo ainda. Pigmaleão e Thanit questionam que desafio é esse. Elias diz a Pigmaleão e Thanit que invoquem a Baal e que ele invocará a Deus e quem responder com fogo na lenha, este será o Deus verdadeiro. Acabe fica visivelmente incomodado com o que vê. Elias debocha dos sacerdotes e sacerdotisas de Baal e Aserá e pedem que gritem mais alto. Elias pede ao povo que se aproxime. Ele restaura o altar, enquanto os profetas de Baal estão no chão cansados ou passando mal. Elias pede que derramem água sobre o holocausto e sobre a lenha. 

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias