Televisão

'Jesus': Goy é atingido por pedra ao tentar salvar Kesiah, morre e é levado pelo anjo Gabriel

Confira o que acontece na novela de 11 a 15 de fevereiro

Caifás manda prender Messias
Caifás manda prender Messias - Blad Meneghel/Record TV

São Paulo

De autoria de Paula Richard, a novela "Jesus" é exibida às 20h45 na Record.

Segunda-feira (11)

Goy (Paulo Lessa) é atingido por uma pedra ao tentar salvar Kesiah (Polliana Aleixo). O caos e o pânico tomam conta das pessoas, que ficam desesperadas ao ouvirem um grande ruído da torre desabando. Goy morre e é levado pelo anjo Gabriel (Raphael Sander). Pilatos (Nicola Siri) manda executar o mestre das obras e o culpa pelo desabamento da torre. Caifás (Eucir de Souza) e Anás (Paulo Figueiredo) mandam prender Tiago Maior (Cesar Cardadeiro) e Judas Tadeu (Ricky Tavares). Caifás manda açoitar Tadeu e Maior. Madalena (Day Mesquita) chega ao sinédrio e diz ser amiga da esposa do governador e ordena para que soltem Tiago e Tadeu. Anás e Caifás, contrariados, manda soltá-los. Tadeu fica sabendo que Helena foi enviada à Roma. Pedro pede para Shabaka (luka Ribeiro) ajudá-lo a comprar uma espada. Helena dentro de uma tenda simples, ouve rugidos de leões vindo de fora.

Terça-feira (12)

Asisa pede para ser batizada por Mateus. Shabaka dá uma espada para Pedro. Mateus batiza Asisa. Jesus prega sobre a figueira. Temima conta para Cláudia que é traidora e fica dando informações de Pilatos a Caifás. Cláudia fica revoltada, mas resolve ajudá-la. Cornélius fica sabendo da morte de Goy e se emociona. Soldado que acompanhava Helena volta ao palácio e avisa a Pilatos que foram atacados por leões.

Quarta-feira (13)

O soldado que acompanhava a comitiva de Helena conta que foram atacados por leões, mas que não sabe o que houve com ela. Pilatos, enfurecido, crava uma espada no peito do soldado e o mata. Antipas vai até a casa de Caifás, que começa a semear intrigas, falando mal de Jesus. O Messias prega. Cláudia descobre que Helena foi atacada por leões e coloca a culpa em Pilatos. Cornélius pede a mão de Sara a Pedro, que nega. Marta rompe o namoro com Malco. Cornélius encontra Helena e cuida dela. Petronius avisa a Pilatos e Cláudia que Helena foi encontrada. Todos se emocionam ao revê-la. Jesus e apóstolos seguem sentido a Galileia. Helena muito abatida e debilitada é examinada por médico que faz sinal negativo com a cabeça. Jesus prega sobre salvação. Judas grita: Mestre! Jesus olha na direção e vê Satanás, comandante de Herodes, soldados e fariseus. Jesus sério, encarando Satanás, que sorri.

Quinta-feira (14)

Diante dos soldados de Herodes e Satanás, Jesus diz que terminará seu trabalho no terceiro dia. Judeus, fariseus e comandante reagem intrigados. Jesus continua falando. Fariseus, o comandante e os soldados se retiram, enquanto Satanás bufa de raiva. Pilatos recebe um sacerdote para tentar curar Helena. Ele pede para que ela seja levada ao tanque de Betesda. Jesus prega que muitos serão chamados e poucos escolhidos. Caius e Loginus chegam ao local e o esvaziam para o ritual. Helena é levada para o tanque de Betesda, mas retorna ao palácio ainda doente. Lázaro começa a passar mal e coloca a mão no peito.

Sexta-feira (15)

Marta e Betânia se desesperam ao ver Lázaro caído. Barrabás, acompanhado de outros rebeldes, rouba a casa de um publicano e mata seu filho. Pilatos se desespera com a situação de sua filha. Dimas encontra Gestas e fica balançado com o convite do irmão para roubarem o palácio. Tiago Justo pede Deborah em casamento. Lázaro morre.

 
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem