Televisão

Marco Luque retorna à Escolinha como Patropi e afirma que Orival Pessini era um gênio do humor

Quarta temporada do humorístico retorna neste domingo na Globo

Patropi ( Marco Luque ), personagem da Escolinha do Professor Raimundo
Patropi ( Marco Luque ), personagem da Escolinha do Professor Raimundo - Estevam Avellar/Globo

Leonardo Volpato
São Paulo e Rio de Janeiro

De volta às tardes da Globo, a Escolinha do Professor Raimundo ganha nova leva de episódios a partir deste domingo (25), às 13h. Para a quarta temporada, há algumas mudanças no elenco. Uma delas é o novo personagem de Marco Luque, que agora dará vida ao hippie universitário Patropi e não mais ao Nerso da Capitinga, que será interpretado por Gui Santana.

“Foi uma mudança proposta pela direção por conta da minha semelhança física com o Patropi. Os desafios estão ligados às novas características do personagem, que possui nuances próprias para explorar”, destaca.

A leva de episódios já começou a ir ao ar pelo canal pago Viva em setembro. “Eu me identifico muito com Patropi. Sempre fui fã de Orival Pessini [1944-2016], ele era um gênio do humor, um mestre. Para compor o papel, estudei muito as peculiaridades dele", conta Luque.

Desde quando recebeu a incumbência, sua vida se resumiu a estudos, vídeos e observação de cada detalhe, diz ele. E o esforço já valeu a pena. “Foi uma repercussão superbacana, fiquei muito feliz. Já tive retorno do público por conta da exibição no Viva”, afirma.

Outro que retorna é Otaviano Costa. O ator e apresentador volta a dar vida ao personagem nerd Ptolomeu. Para Luque, é bom ver os amigos de novo. “O clima é sempre de muita amizade, carinho e confraternização. Trabalhamos sem ver o tempo passar e estamos felizes com mais uma temporada.”


 

 
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem