Televisão

Youtuber faz tutorial de como piratear TV a cabo e é condenado a pagar R$ 25 mil

Processado por operadoras de TV paga, youtuber recorreu, mas perdeu em 2ª instância

Controle remoto de TV a cabo
Controle remoto de TV a cabo - Adriana Toffetti / A7 Press/Folhapress

São Paulo

Dono do canal Café Tecnológico, no YouTube, Marcelo Otto Nascimento foi condenado a pagar R$ 25 mil por danos morais e materiais à  ABTA (Associação Brasileira de Televisão por Assinatura), além de remover parte do conteúdo de seus vídeos.

Em sua página, que tem mais de 77 mil inscritos, o youtuber dá dicas de tecnologia, faz resenhas de produtos como smartphones, tablets e outros gadgets e dá tutoriais de como fazer downloads ilegais de música e conteúdo da web.

Um dos tutoriais ensinava a fazer o chamado "gato NET", isto é, piratear um serviço de TV por assinatura. As empresas que oferecem o serviço estão fazendo uma varredura para encontrar casos como o dele, ou que configurem reprodução de conteúdo ilegal ou em desrespeito aos direitos autorais.

Em dezembro de 2017, Otto foi condenado em primeira instância e entrou com recurso, alegando que já havia removido as postagens e que não tinha capacidade financeira para arcar com as condenações estipuladas pelo juiz.

Nesta semana, porém, seu recurso foi negado. Ele também foi condenado a pagar 1% de multa por dia enquanto os vídeos permanecessem no ar.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem