Televisão

Último capítulo de 'Estrela-Guia', novela de Sandy, foi ao ar há 16 anos; relembre  

Em 2001, no auge da carreira com seu irmão, o músico Júnior, a cantora Sandy, 34, protagonizou "Estrela-guia", novela da Globo que foi ao ar de 12 de março a 16 de junho de 2001. 

A trama, escrita por Ana Maria Moretzsohn e dirigida por Denise Saraceni, "contrapunha valores espirituais das sociedades alternativas a avanços tecnológicos e científicos", segundo a emissora. 

No folhetim, Sandy deu vida a Cristal, uma jovem criada em uma comunidade alternativa no interior de Goiás, que se vive um romance com o workaholic Tony, interpretado por Guilherme Fontes. 

"Estrela-Guia", que durou três meses, foi feita como experimentação de tramas curtas. Para escreve-la, Moretzsohn buscou ideias em vários filmes, como "Hair" (Milos Forman, 1979), "Papai Pernilongo" (Jean Negulesco, 1955) e "Presente de Grego" (Charles Shyer, 1987).

Tudo girou em torno de Sandy na produção da novela. A história foi feita para ela, os capítulos escritos de acordo com as possibilidades que ela teria de interpretar, as gravações organizadas para não atrapalhar sua agenda. E não adiantou global nenhum torcer o nariz: a novela bateu recordes de audiência e teve o melhor desempenho da Globo no horário nos últimos cinco anos.

A fictícia "Arco da Aliança", onde a trama de "Estrela-Guia" acontece, foi inspirada na comunidade alternativa "Frater Unidade", em Pirenópolis, no interior de Goiás.

Antes da novela, Sandy já tinha feito, em 1999, o seriado "Sandy & Junior" (1999) e o filme "O Noviço Rebelde", no ano de 1997, com o humorista Renato Aragão e o atro Tony Ramos.

Na galeria abaixo, relembre cenas de "Estrela-Guia". 


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem