Publicidade

Comentarista da ESPN é dispensado da emissora após piadinha Rio-São Paulo

16/11/2014 - 16h45

Publicidade

SANDRO MACEDO
EDITOR DO "F5"

Um dos comentaristas da ESPN para a temporada de futebol americano foi dispensado depois de fazer uma piadinha durante uma transmissão sobre Rio-São Paulo.

O fato aconteceu há cerca de um mês, quando a emissora exibia a vitória do Dallas Cowboys diante do New York Giants, com narração de Ari Aguiar e comentários de Raiam Santos.

Com estilo despojado, o carioca Raiam dava seus pitacos sobre o jogo. Foi quando Ari fez um pergunta trivial: "O termômetro hoje bateu 39ºC aqui [em São Paulo]. No Rio está assim também?". A resposta de Raiam foi rápida: "Lá é a mesma coisa, a diferença é que nós temos a praia de Ipanema e vocês têm o rio Tietê", brincou. Ari não retrucou.

Na sequência da transmissão, o próprio Raiam fez uma brincadeira com os cariocas também para tentar consertar.

Poucos dias depois, o comentarista veio a uma rede social para se desculpar: "Quero pedir perdão aos fãs de esportes, especialmente aos de São Paulo, pela piadinha sobre a praia de Ipanema e o Tietê", postou. "Reconheço que fui totalmente infeliz no comentário e peço desculpas aos que ficaram sentidos", completou.

Na semana seguinte, Raiam não participou de nenhuma transmissão, apesar de o canal exibir cinco jogos no domingo, incluindo um com som original em inglês, sem narração ou comentários do Brasil.

Procurada pelo "F5" para falar sobre o caso, a ESPN negou qualquer problema. "A ESPN tem como premissa o respeito a diversidade e aos indivíduos, sem qualquer distinção. Nossos comentaristas têm liberdade para emitirem suas opiniões, desde que não firam esse princípio. O comentário em questão foi feito em tom de humor, sem a intenção de ofender qualquer pessoa", afirmou em comunicado oficial.

Reprodução/Instagram
Raiam Santos na bancada da ESPN, como comentarista da NFL
Raiam Santos na bancada da ESPN, como comentarista da NFL

DISPENSA

Depois de mais algumas semanas sem ser chamado, o próprio Raiam confirmou que tinha sido cortado da emissora. Para o comentarista, o motivo foi a "piadinha" mesmo.

Procurada novamente, a emissora confirmou a dispensa. "Começamos a temporada com três comentaristas como freelancers [além de Paulo Antunes, titular nos principais jogos], mas resolvemos dar mais prioridade aos outros dois", afirmou Tuca Morais, coordenador de produção da NFL na ESPN —Raiam se revezava com Antony Curti e Eduardo Zolin.

"Tudo que foi falado no ar pode ser considerado para que ele continue [no canal] ou não", afirmou Tuca, que jura que a piada não foi determinante, mas que a emissora deu preferência aos outros dois que não fizeram "comentários polêmicos e aproveitaram melhor a chance".

Além de comentarista, Raiam também joga futebol americano pelo Flamengo Futebol Americano.

  • Últimas notícias 
  •  

Publicidade

Publicidade

gostou? leia também

  •  

Publicidade

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha