Comic Con

Sem Michael Bay, elenco com Ryan Reynolds mostra megalomania de 'Esquadrão 6' na CCXP

Produção estreia na Netflix na próxima sexta (13)

Ryan Reynolds e elenco do filme 'Esquadrão 6' na CCXP
Ryan Reynolds vai a painel da CCXP com elenco do filme 'Esquadrão 6' - Eduardo Martins/AGNEWS
São Paulo

Tiros de snipers, fugas de carro em alta velocidade, iates, helicópteros e até mesmo uma piscina explodindo para lavar os vilões de uma cena muito improvável. Tudo isso estará em “Esquadrão 6”, um filme com o DNA e megalomania de seu diretor, Michael Bay. A produção estreia na Netflix na próxima sexta (13).

Sem muitas explicações, o cineasta não compareceu ao painel que a plataforma de streaming realizou na Comic Con, onde estiveram presentes parte do elenco principal de umas das principais produções de ação da Netflix.

A grande estrela do painel foi, é claro, Ryan Reynolds, carismático e afetuoso ao falar dos colegas presentes no painel: Adria Arjona, Melanie Laurent, Corey Hawkins e Manuel Garcia-Rulfo.



Ao lado de Ben Hardy, também ausente, eles formam o sexteto protagonista do filme. A trama, filmada em seis países, mostra seis agentes que se desvencilham de seus passados e saem do radar para combater injustiças sem precisar prestar contas. Liderados por One (Reynolds), cada um possui uma especialidade.

“Eu interpreto um personagem que basicamente ganhou um milhão de dólares e recruta essas 5 outras pessoas e forma esse time e família relutante. Estou basicamente tentando dizer que esse é o ‘Snyder Cut’. Ops, estou em outro painel”, brincou o ator, fazendo referência à versão de “Liga da Justiça” planejada por Zack Snyder.

“Você não viveu até que você tenha dirigido um Alfa Romeo em uma alta velocidade em Florença. Recomendo fortemente”, disse Reynolds sobre a cena que mostra a fuga da trupe pelas vielas da cidade italiana.

Trata-se do primeiro filme de Michael Bay para uma plataforma de streaming. Reynolds disse que o filme não contou com tanta computadorização gráfica como o esperado, e que os atores precisaram se arriscar nas cenas.

“Michal Bay quando filma é uma espécie de caos para os atores, de alguma maneira há uma razão para tudo no fim das contas”, disse o ator. “Eu quase morri várias vezes. Eu passei muito perto de não sobreviver”, disse Melanie, que interpreta uma ex-espiã.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem