Estilo

Depois de anos de reinado do batom mate, gloss volta com tudo

Produto garante ar leve, hidratado e iluminado para a maquiagem

A cantora Miley Cyrus usou gloss no Grammy deste ano
A cantora Miley Cyrus usou gloss no Grammy deste ano - Don EMMERT/AFP

KARINA MATIAS
São Paulo

Sucesso no início dos anos 2000, o gloss está de volta como uma das prin­cipais tendências de maquiagem deste início de ano. “É muito bem-vindo no verão, porque dá um ar de frescor e hi­dratação. Principalmente, se vem acompanhado por uma pele bem ilumi­nada”, diz a maquiadora Gisele Santos.

O maquiador Rodrigues de Brito, do Sindicato Pró-Beleza, tem a mesma opi­nião e destaca que o produto é muito fácil de usar. “Comece sempre pas­sando suavemente no centro dos lá­bios e seguindo para as laterais. Des­sa forma, não deixará a boca com as­pecto artificial”, orienta.

Os profissionais reforçam que é importante que os lábios estejam hi­dratados antes de usar o gloss para, assim, garantir um melhor efeito. “E para evitar borrões, o ideal é contor­ná-los com lápis, que pode ser cor de boca ou nude. A cera do lápis não deixa escorrer o produto e aju­da o gloss a durar mais tempo na boca”, acrescenta Gisele.

O modelo mais tradicional e cu­ringa é o incolor, que pode ser usado sozinho ou por cima de qualquer cor de batom. Rodrigo lembra que as marcas de cosméticos também têm investido em variações de tons e versões de gloss. Uma das novidades são os batons com cobertura vinil, que prometem dar o mesmo efeito de brilho e verniz do gloss.

A maquiadora Gisele destaca, ainda, a versatilidade do produto, que pode ser usado, em sua versão transpa­rente, também nos olhos, por cima de uma sombra opaca. “Fica um efeito bonito e molhado”, conclui a profissional.

 

A reportagem foi publicada na "Revista da Hora", do jornal "Agora".  

Agora
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem