Estilo

Cor do ano, ultravioleta evoca espiritualidade e misticismo, além de ser profundo e provocante

Especialistas de moda dão dicas de como combinar e criar looks charmosos com o tom 

A blogueira Lê Takamura usa vestido ultravioleta com estampa de flores
A blogueira Lê Takamura usa vestido ultravioleta com estampa de flores - Robson Ventura/Folhapress

Descrição de chapéu Agora
Lara Pires
São Paulo

Na virada do milênio, de 1999 para 2000, a marca Pantone empresa americana que seleciona e cataloga
cores deu início à divulgação da cor do ano. Após muita pesquisa, um tom é es­colhido como o norte da moda, da deco­ração e do “design” em todo o mundo. 

O selecionado em 2018 foi o ultravio­leta, um roxo clássico. O processo de definição da cor é complexo, segundo Blanca Lliahnne, por­ta-voz oficial da Panto­ne no Brasil. Ela conta que os profissionais da
empresa fazem uma extensa pesquisa no ano anterior ao lança­mento, englobando questões históricas, sociais, econômi­cas e políticas em várias partes do mundo. “O ultravioleta é uma cor pro­funda”, define ela. “Percebemos uma movimentação mundial em busca da espiritualidade, pelas adversidades que
todos os povos têm enfrentado.”

A porta-voz ainda afirma que a cor simboliza aqueles que pretendem dei­xar sua marca no mundo. “É também um tom que evoca alguns ícones da música”, revela ela, citando David Bo­wie (1947 -2016), Jimi Hendrix (1942-1970) e a música “Purple Haze” (neblina roxa), além de Prince (1958 -2016), com
Purple Rain” (chuva púrpura). “A cor transmite a ideia do caminho que está por vir”, conclui Blanca.

A consultora de moda e estilo Gloria Kalil afirma que o ultravioleta é uma cor fácil de ser usada, apesar de não ser muito querida pelo brasileiro. “Aqui ainda existe uma associação do roxo ao fúnebre, mas isso é antigo”, explica ela. “É uma cor com imensa variedade de tons e que combina com todo tipo de pele”, explica Gloria. Para quem deseja investir na tendên­cia, a especialista indica as cores verde-bandeira e vermelho para combinar com o ultravioleta no inverno; o tur­quesa e o laranja para usar no verão; e os tons metalizados para a noite.

Para Arlindo Grund, apresentador do programa “Esquadrão da Moda” (SBT), quem quer usar o ultravioleta, mas não sabe como, deve começar por uma ca­miseta básica desse tom. “Combine a blusa com um jeans clássico e, assim que se acostumar com ela, vá ousando mais”, ensina ele. “Se você acha que o roxo não fica bem em você porque deixa o seu rosto pálido, invista em um calça­do e use a cor longe do seu rosto.”

DICAS 

Lenço versátil 
Combinar a blusa ultravioleta com um lenço estampado de flores com tonalidades semelhantes é uma ótima pedida para animar o visual. “Muitas pessoas associam o ultravioleta a um tom triste, mas não precisa ser assim. Usando com uma echarpe fica lindo!”, ensina a consultora de moda Gloria Kalil. A calça preta e básica é sempre um curinga

Por partes 
Os tons de roxo podem aparecer apenas em algumas partes das roupas, como nesse “look”, em que a cor alegra as mangas da camiseta. A saia de lurex com preto, dourado e prateado pode ser usada com tênis, num visual mais despojado, ou mesmo à noite, com um sapato alto

Sem medo de errar
A blusa ultravioleta fica linda com um jeans básico e acessórios coloridos, como a sandália pink. “A cor ultravioleta tem muita personalidade, principalmente se for bem combinada”, afirma Gloria Kalil

Toda de roxo
Quem se identifica com a cor pode apostar em variações dela e montar um “look” de calça e top no mesmo tom. A estampa dá alegria e faz com que o visual não fique monocromático. “Se estiver toda de roxo, aposte em um toque de vermelho que fica lindo”, afirma a consultora de moda Gloria Kalil

Cores fortes, sim! 
Se não for possível investir em muitas peças da cor da moda, escolha uma blusa e faça combinações variadas. As nuances do ultravioleta para o azul e para o rosa também são tendência. “Uma única blusa roxa pode servir de base para vários visuais”, ensina Gloria Kalil

Combinação criativa 
Uma cor que vai muito bem com o ultravioleta é o verde, em suas várias tonalidades. A mistura parece inusitada a princípio, mas faz uma bela combinação

Para todas as peles 
Tons de ultravioleta combinam com todas as peles. A dica dos especialistas é aproximar a peça escolhida do rosto e ver se ela te favorece ou te deixa pálida. “O tom tem muitas variações, pode puxar para o azul ou para o lilás, é só escolher qual cai melhor em você”, conta Gloria Kalil

Foque no acessório 
Quem não está acostumada a usar roxo, mas quer adotar a tendência, pode apostar em um visual básico, com cores neutras e jeans, e investir em um sapato colorido. “Muita gente acha que a cor pode deixar olheiras aparentes. Se você não está confortável em usá-la perto do rosto, use nos pés, sem medo de errar”, ensina Arlindo Grund, consultor de moda e apresentador do “Esquadrão da Moda” (SBT)

 

Agradecimentos:
À blogueira Lê Takamura (no Instagram, @letakamura), da Ana Lima Comunicação (@analimacomunicacao), à publicitária Victoria Marques Narciso (@vickyymn), ao parque Ibirapuera e à praça Buenos Aires, ao cabelereiro e maquiador Mychael Alcântara (no Instagram, @mychaelhairstylist), da unidade Sé do Instituto Embelleze (institutoembelleze.com/portal) e à maquiadora Fabiana Buono Paschoal

 

A reportagem foi publicada na "Revista da Hora", do jornal "Agora".

Agora
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem