Zapping - Cristina Padiglione

Em tempos de cortes, SBT não tem previsão para produzir nova novela

Custo não compensaria benefício neste momento, adiando decisão para 2020

dalton vigh, sophia valverde e thais melchior
Pendleton diz a Luisa que é pai de Poliana - Divulgação/SBT

A direção do SBT não tem pressa de produzir sua próxima novela, uma versão da fábula “O Patinho Feio”. Silvio Santos tem notado que as reprises exibidas na faixa noturna, todas no segmento infantojuvenil, no qual a emissora calçou sua dramaturgia já faz algum tempo, dão resultados de audiência muito parecidos com o folhetim inédito. Atualmente exibida logo após a “As Aventuras de Poliana”, a reapresentação de “Cúmplices de um Resgate” fica de 2 a 3 pontos abaixo da outra trama, que está em sua primeira exibição. A direção da casa tende a concluir que o custo não compensa o benefício de produzir uma novela nova a essa altura, quando mais demissões e cortes estão em andamento. Assim, “O Patinho Feio” deve aguardar até o início de 2020 para de fato entrar em produção. A tensão de fim de ano vem se tornando um hábito no SBT.

CONTEXTO

Em relação a nota publicada nesta coluna sobre a baixa audiência de “A Dona do Pedaço” em Portugal, a Globo esclarece que os índices são bons para o horário da trama, que vai ao ar das 23h50 à 0h30. Embora fique fora do Top 5 de audiência, ela é líder em seu horário de exibição pela rede SIC.
A Globo informa ainda que o enredo sobre Maria da Paz fez crescer em 7% a audiência da SIC no universo de TVs ligadas. O horário é pouco nobre, mas esta é uma definição que cabe apenas à SIC que, mais cedo, às 18h20, reprisa outra novela de Walcyr Carrasco: “Amor à Vida”, de 2013.

ESTREIA

Antes prevista para segunda-feira (21), a estreia de Augusto Nunes na Record ficou para esta quarta (23), na edição da 0h30 do Jornal da Record. De segunda a sexta, ao lado do apresentador, Sérgio Aguiar, ele fará análises políticas e participará de coberturas sobre o assunto em outros noticiários.

Grupo Record contrata o jornalista Augusto Nunes - Edu Moraes/ Record TV

TALISMÃ

Com visual totalmente repaginado, Camila Márdila volta à cena em “Amor de Mãe”, próxima novela das nove da Globo, repetindo a parceria com José Luiz Villamarim, que a dirigiu em “Onde Nascem os Fortes” e “Justiça”, de Manuela Dias, autora da trama da vez. Ela começa a história como namorada de Chay Suede.

Camila Márdila em Amor de mãe
Camila Márdila é Amanda na novela da Globo Amor de Mãe - Victor Pollak/Divulgaçãio

AUDIÊNCIA

  • 13,1 pontos 
    teve o Jornal Hoje na segunda-feira, recorde na gestão Maju
  • 7,5 pontos
    teve a reprise de “Escrava Isaura” na Record, mais que a inédita “Topíssima” (7) na segunda-feira (21)

A BOA DO DIA

A luta das mulheres para se tornarem jogadoras de futebol no Brasil
Profissão Repórter: Globo, às 23h30

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 48, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Mais lidas