Celebridades

Anahí, do RBD, é citada pelo FBI em investigação de lavagem de dinheiro

Ela é sócia do marido político que é um dos denunciados

Anahí, ex-RBD
Anahí, ex-RBD - Instagram/anahi
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A cantora mexicana Anahí, 37, ex-integrante do RBD, foi citada pelo FBI como uma das pessoas envolvidas em lavagem de dinheiro no México, segundo o site Show News. Ela deve ser chamada para prestar esclarecimentos sobre o caso.

A cantora passou a ser investigada por ser sócia do marido, o ex-governador Manuel Velasco, que é um dos denunciados no esquema. Até agora foram divulgados nomes de mais de dez pessoas, entre artistas e representantes do governo.

As investigações surgiram a partir do caso da famosa apresentadora de TV Inés “N” e de seu marido, que estão envolvidos com o crime organizado e lavagem de dinheiro, operações com recursos de origem ilícita e muito mais.

O caso da apresentadora, que vem repercutindo nas redes sociais e já tomou as manchetes dos jornais do país, levou a outras pessoas, entre elas artistas e políticos famosos.

A Justiça mexicana está oferecendo redução de pena e perdoando as acusações das pessoas envolvidas em atividades ilícitas desde elas passem informações sobre o esquema criminoso.

Especialistas disseram ao Show News que o esquema pode ser uma grande lavagem de dinheiro envolvendo governos, empresários e muitos outros personagens desse círculo. Eles acreditam que o dinheiro poderia ser de origem pública ou do governo.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem