Celebridades

Candidatura de Kanye West tem apoio de Kim Kardashian, mas vira piada entre famosos

A socialite Paris Hilton, por exemplo, 'lançou' sua candidatura também

Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West - Danny Moloshok/Reuters
São Paulo

Kim Kardashian, 39, está contente com a decisão do marido, Kanye West, 43, de se lançar candidato à presidência dos Estados Unidos. A socialite republicou, acrescentando uma bandeira do país, a mensagem que ele postou nas redes sociais na qual fazia a anúncio.

"Agora precisamos cumprir a promessa da América confiando em Deus, unificando nossa visão e construindo nosso futuro", escreveu o rapper no sábado (4), data que marca a Independência dos Estados Unidos. "Estou concorrendo à presidência dos Estados Unidos."

Uma fonte próxima a Kardashian contou à revista "Us Weekly" que o apoio não foi só das redes sociais para fora. "Kanye tem planejado isso há anos e Kim sabe de suas aspirações e tem sido solidária", afirma. "Kanye é apaixonado por artes e educação e quer ajudar da forma que ele puder."

Ao longo dos últimos anos, o casal tem apoiado publicamente Donald Trump, 74. Em maio, o rapper deixou implícito em entrevista à revista "GQ" que votaria nele no atual presidente novamente.

"Com certeza vou votar desta vez, e sei em quem vou votar", afirmou, lembrando que nos Estados Unidos o voto não é obrigatório. "As pessoas ao meu redor ou as que têm seus próprios interesses não vão dizer para mim que minha carreira vai acabar. Por que adivinha? Ainda estou aqui. 'Jesus Is King' foi número 1. Tinham me falado que minha carreira acabaria se eu não apoiasse [Hillary Clinton, que disputou as eleições de 2016 contra Trump]. Que tipo de campanha é essa? É como se a campanha do Obama fosse 'estou com os negros'. Qual a vantagem de ser uma celebridade se você não pode ter opinião? Todo mundo tem sua própria opinião."

Ainda segundo a "Us Weekly", Kanye West ainda não se registrou oficialmente como candidato. Ele pode concorrer como candidato independente, ou seja, sem partido, mas o prazo para que o nome dele esteja nas cédulas eleitorais já acabou em alguns Estados americanos.

Apesar do apoio da mulher dele, algumas celebridades levaram a candidatura do rapper na brincadeira. A socialite Paris Hilton, por exemplo, "lançou" sua candidatura também. "Paris para presidente", escreveu nas redes sociais. O comediante Bob Saget, de "Fuller House", também entrou na onda e perguntou aos seguidores: "Eu deveria me candidatar também?". Já a atriz Octavia Spencer criticou: "Algumas pessoas vivem numa bolha e está na hora de que ela exploda".

Entre os apoiadores, estão o empreendedor Elon Musk e a atriz Rose McGowan. Esta última, no entanto, questionou se a candidatura de Kanye West não iria "dividir votos".

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem