Celebridades

Preta Gil afirma que está curada do coronavírus: 'Não é um vírus qualquer'

Cantora ficou 14 dias em isolamento em São Paulo

Preta Gil é diagnostica com o coronavírus
Preta Gil é diagnostica com o coronavírus - Instagram/pretagil
São Paulo

Após 14 dias em isolamento em São Paulo, Preta Gil está curada da Covid-19 e foi liberada para voltar para a sua casa no Rio de Janeiro. "Foram longos dias de muito aprendizado e preocupações comigo, com o mundo e com os mais próximos, hoje posso dizer que me sinto mais forte e mais certa de que devemos enfrentar esse vírus com coragem, união e pensamento positivo."

A cantora afirmou que é fundamental diminuir o contágio do novo coronavírus no Brasil, porque ainda é o início da epidemia no país. "É muito importante que todos se conscientizem de que não se trata de um vírus qualquer."

Na tarde desta quarta-feira (25), Preta fez exames de sangue, eletrocardiograma e ressonância magnética do pulmão. O resultado, segundo a assessoria de imprensa da cantora, mostrou que ela não apresenta sintomas de pneumonia e que não precisará fazer o uso de medicação. Ela também foi informada que está curada e não transmite mais o vírus.

Preta Gil disse acreditar que foi infectada após cantar no casamento de Marcella Minelli, irmã da influenciadora Gabriela Pugliese, que foi realizado no dia 7 de março, em Itacaré, na Bahia. A festa virou notícia depois que alguns dos convidados descobriram que estavam com coronavírus.

Além da cantora, a própria Pugliese e a influenciadora Shantal Verdelho e o filho Filippo, de apenas um ano, foram diagnosticados com o novo coronavírus.

FAMOSOS COM CORONAVÍRUS

Com a expansão do coronavírus, já foram registrados vários casos confirmados entre famosos, atletas e até políticos. Tom Hanks, 63, e a mulher, Rita Wilson, 63, foram alguns dos primeiros a ter resultado positivo para Covid-19, mas também estão na lista desde a atriz Fernanda Paes Leme, 36, até o tenor espanhol Placido Domingo, 79.

Tom Hanks e Rita Wilson afirmaram ter contraído a doença na Austrália, onde o ator participava das gravações de um filme sobre a vida de Elvis Presley. Hanks afirmou, em suas redes sociais, alguns dias após a confirmação, que o casal está bem, mas isolado e sendo monitorado.

No Brasil, Di Ferrero afirmou também em suas redes sociais que foi diagnosticado com a doença e, alguns dias depois, confirmou complicações pulmonares: "Muito importante se resguardar agora", disse.

Também tiveram resultado positivo após terem os sintomas a ativista Luísa Mell, 41, e o marido, e o cantor Dinho Ouro Preto, 55. Já a apresentadora Ana Hickmann, 39, relatou ter febre alta, calafrios e dores no corpo, mas disse que não fará o exame ainda, já que não apresenta insuficiência respiratória.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem