Celebridades

Mulher volta atrás e retira queixa de agressão contra ex-vocalista do Calcinha Preta

Andressa Gonçalves diz que não queria prejudicar carreira de ex-marido

 
Andressa Gonçalves e Malus Viana, ex-vocalista do Calcinha Preta
Andressa Gonçalves e Marlus Viana, ex-vocalista do Calcinha Preta - Instagram
São Paulo

Andressa Gonçalves, ex mulher de Marlus Viana –que ficou famoso por ter sido vocalista do grupo Cacinha Preta– retirou um boletim de ocorrência contra o antigo companheiro horas depois de tê-lo aberto.

Em um vídeo que circulou pela internet nesta segunda-feira (25), a mulher dizia que havia aberto o boletim contra Marlus "porque ele me deu um tapa na cara, tentou me enforcar e cuspiu na minha cara". 

"Aceitei traição. Todo tipo de traição. Dentro da minha casa. Ele colocou a Stephanie dentro da minha casa, e tinha outras milhões de mulheres. Não tenho que entrar nesse assunto, porque eu perdoei, fui trouxa", começou ela. "Ele me pediu ajuda, eu, a vítima, pra acobertar a carreira dele e dizer que a gente tava mal no relacionamento, sendo que a gente nunca esteve mal no relacionamento."

"Ele me trai e acha que eu também traio. Então se eu vou na academia ou vou na rua, ele fica tentando o tempo todo me controlar pra saber o que eu tô fazendo, se eu tô com homem, se eu tô com amante, se eu tô traindo ele. E fica o tempo todo assim. Quatro dias atrás eu fui malhar e deixei o celular no silencioso. Ele me ligou sete vezes e eu não vi. Ele começou a me chamar de vagabunda e me mandou ir pro inferno falando que eu tava traindo ele. Quando eu vi, ele tava em frente a academia, porque ele foi vigiar se eu tava lá. A partir desse dia foi um inferno", continuou. Procurado pelo F5, o cantor não se manifestou até a publicação deste texto.

Após dizer que havia chego ao seu "limite", Gonçalves apagou o vídeo e, horas depois, se explicou aos seus fãs. Nesta terça-feira (26) pela manhã, ela publicou uma série de vídeos em seu Instagram stories dizendo que retirou o boletim de ocorrência contra Marlus e que eles já estão bem.

"Marlus e eu já conversamos, já está tudo bem entre a gente. Eu fui lá e retirei o B.O. porque no fundo ele é uma pessoa boa. Eu entendo que num momento de briga e raiva, eu fiz um vídeo com muito ódio, então passou muito ódio para as pessoas. Eu não queria passar dessa forma, não imaginei que fosse tomar uma proporção tão grande quanto tomou. Eu queria somente passar para meus seguidores a situação de que Marlus e eu não estávamos mais juntos", afirmou. 

Gonçalves disse que o ex é uma pessoa "muito boa", e que retirou o primeiro vídeo em que fazia a acusação porque "estava tomando uma proporção muito grande" e ela não queria prejudicar a carreira dele. 

"Ele e eu somos bem explosivos, então no momento ali de empurrão que eu estava tentando pegar meu celular ele foi e acabou me agredindo, dando um tapa na cara, mas foi uma coisa mais leve. No vídeo que eu fiz, pareceu que ele me espancou, mas não foi. É só para deixar claro [...] eu estou bem. A gente terminou mesmo, não está mais junto, mas ficamos amigos, conversamos muito, resolvemos as coisas porque estamos há muito tempo tendo problema. [...] A gente não tava conseguindo ter força de colocar um fim nisso, realmente, e precisou de uma coisa tão forte dessa para a gente abrir os olhos."

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem