Celebridades

Luana Piovani rebate Paula Lavigne depois de crítica: 'Não é a coisa favorita da minha vida'

Piovani disse também não ligar para 'fofoquinha' por estar blindada em Portugal

Luana Piovani
Luana Piovani - Vogel Lucca/Flashbang MediaHouse
São Paulo

Após ser criticada por Paula Lavigne, 50, por dizer que não tinha tempo no Brasil para postar foto usando biquíni, Luana Piovani, 43, rebateu a provocação e afirmou que a mulher de Caetano Veloso, 77, "não é a coisa favorita da minha vida".

"A Paula Lavigne de biquíni... olha, é bom que tem gente que gosta do branco e tem gente que gosta do preto, não é? É bom que a gente vai variando. Não é a coisa favorita da minha vida, não, mas ela pode ficar à vontade, querer fazer sucesso postando uma foto de biquíni. Afinal de contas, a gente gosta de estar bonita na foto", disse Piovani, durante sua participação ao vivo no programa Se Joga, apresentado por Fernanda Gentil, 32.

 

Na semana passada, em entrevista ao UOL, Piovani, que vive atualmente em Portugal, disse que era difícil ser cidadã no Brasil, porque não sobrava tempo para postar foto sua "bonita de biquíni". Ao falar sobre o assunto, ela citou Paula Lavigne, que é responsável por mobilizar os artistas em causas políticas e sociais.  

Ainda no programa ao vivo, quando questionada sobre o apoio de outras famosas sobre a postagem de Lavigne, Piovani comentou que é blindada por essas "fofoquinhas", dizendo que não se incomoda com isso e aconselhando que as pessoas gastem o tempo com coisas relevantes. 

"Eu não acho nada porque essas coisas não chegam em mim. Eu sempre fui blindada, através das minhas escolhas, e agora estando em Portugal, se tem uma coisa que eu realmente não me incomodo e nem dou importância é 'fofoquinha'. Eu quero que as pessoas gastem o meu tempo com coisas relevantes"

Na noite desta terça-feira (1º), Lavigne foi em seu Instagram e postou uma foto de biquíni, escrevendo: "#PaulaLavigne de biquíni: a chata dos grupos". Muitas famosas apoiaram Paula Lavigne, como Leticia Colin, Alinne Moraes, Cláudia Abreu, Fernanda Paes Leme e Tatá Werneck apoiaram a ironia de Lavigne. "Ainda bem que faço parte do seu grupo, mainha", comentou Alinne Moraes.

Tatá Werneck escreveu: "Campanha salvem os biquínis". Já Fernanda Paes Leme disse: "Quem quer sempre arruma tempo...hahaha."

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem