Celebridades

Entenda a polêmica em torno da separação dos atores José Loreto e Débora Nascimento

Divórcio gerou especulações de traição envolvendo outras atrizes

Débora Nascimento e José Loreto
Débora Nascimento e José Loreto - Zo Guimaraes/Folhapress
São Paulo

A separação de casais famosos costuma comover os fãs não importam as circunstâncias do rompimento, e com José Loreto, 34, e Débora Nascimento, 33, não foi diferente. Os atores anunciaram no último dia 16 que não estão mais juntos, provocando, não apenas comoção, mas também muita especulação. 

O divórcio logo levantou suspeitas de traição de Loreto, o que foi alimentado quando algumas famosas pararam de seguir Marina Ruy Barbosa, 23, nas redes sociais. Sites e programas de fofoca, entenderam a ação de Bruna Marquezine, Thaila Ayala, Fiorella Mattheis e Giovanna Ewbank como uma defesa a Débora Nascimento. 

O fato de Loreto e Marina contracenarem atualmente em “O Sétimo Guardião” (Globo) ajudou a dar força à especulação, mesmo com a atriz negando qualquer envolvimento com o colega. “Amo meu marido, sou muito feliz no casamento e nunca teria, nem nunca tive nada além de uma parceria profissional e amizade no trabalho”, disse. 

Mas Marina não foi a única vítima das especulações. A atriz Carolina Dieckmann, 40, também chegou a ser apontada como affair de Loreto após um abraço entre os dois ser registrado em um vídeo postado por Marcelo Serrado, 42, nas redes sociais. Alguns internautas congelaram um frame que daria a entender que os dois se beijaram. 

Dieckmann também explicou a situação em suas redes sociais e afirmou ter sido apenas um ângulo ruim. “É só o ângulo mesmo. No mais, torço para que tudo fique bem porque pessoas estão sofrendo com tudo isso. Estou jogando muito amor para os dois”, escreveu a atriz em resposta a um internauta. 

Em meio aos “ataques” às supostas amantes do ator, Loreto postou uma mensagem de desculpas a Débora Nascimento, em que afirmou que, “apesar das evidências, nada aconteceu”. Ele não citou nomes, mas disse se arrepender: “Não fui legal com você, cruzei fronteiras emocionais que hoje me arrependo profundamente.”

A declaração do ator, no entanto, não teria sido uma iniciativa própria, segundo o jornalista Leo Dias, do programa Fofocalizando (SBT). Ele afirmou que a ordem teria partido da Globo, para preservar “a principal estrela e protagonista, Marina Ruy Barbosa”. Procurada, a emissora não confirmou a afirmação do jornalista. 

Enquanto as especulações continuam, a Globo confirmou que todos os atores envolvidos continuam a gravar normalmente. O próprio autor de “O Sétimo Guardião”, Aguinaldo Silva, afirmou nesta quinta (21) que a trama não terá mudanças e que Gabriel (Bruno Gagliasso) e Junior (Loreto) continuarão a lutar pelo amor da Luz (Marina).

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias