Celebridades

Influenciadora digital e modelo, Nara Almeida morre aos 24 anos

Jovem lutava contra um câncer de estômago e teve apoio de celebridades como o jogador Alexandre Pato

A modelo e influenciadora Nara Almeida
A modelo e influenciadora Nara Almeida em foto de novembro de 2017 - Reprodução/Instagram/almeidana
São Paulo

Nara Almeida, 24, morreu às 5h30 desta segunda (21), em decorrência de um câncer de estômago, doença contra a qual lutava desde agosto de 2017. O hospital Nove de Julho, em São Paulo, confirmou a morte da influenciadora digital, que estava internada no local.

Pedro Rocha, namorado de Nara, compartilhou uma mensagem em seu Instagram. "Infelizmente a Nara faleceu na noite passada, depois de tanta luta. Minha vontade era tê-la para sempre, mas ela merecia descansar."

Nara —apelido de Elianara— já era conhecida na rede social antes de descobrir a doença, mas sabe que a maioria dos fãs virtuais surgiu após um relato sobre o choque que sentiu ao ler comentários de meninas elogiando sua magreza viralizar. A jovem pesava cerca de 40 quilos, muito abaixo do recomendado para sua altura (cerca de 1,60 m).

A morte da influenciadora comoveu a internet. Nas redes sociais, famosos como Alexandre Pato prestaram homenagem a Nara e internautas deixaram mensagens de apoio à família. 

O tumor do estômago havia se alastrado para o pâncreas e o peritônio. Desde que teve o primeiro diagnóstico, dividia com seus 3,7 milhões de seguidores do Instagram —muitos deles famosos como Tatá Werneck e padre Fábio de Melo que lhe mandavam com frequência mensagens de apoio —o dia a dia do tratamento.

Em abril, Nara conseguiu apoio do jogador de futebol Alexandre Pato, 28, para ajudar a pagar o tratamento. O medicamento, cuja dose custa cerca de R$ 18 mil, deveria ser tomado a cada 21 dias. 

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias