Celebridades

Cantora Sula Miranda e outros famosos se manifestam sobre paralisação

Em rede social, 'rainha dos caminhoneiros' declarou apoio ao protesto

A "rainha dos caminhoneiros", Sula Miranda
A "rainha dos caminhoneiros", Sula Miranda - Folhapress/Bruno Poletti
São Pauilo

No quarto dia da greve dos caminhoneiros, bloqueios em 22 rodovias federais e no Distrito Federal fizeram com que grandes cidades passassem a enfrentar risco de desabastecimento de combustível e de alimentos. 

Nas redes sociais, alguns famosos decidiram se manifestar acerca do assunto, em sua maioria apoiando o movimento. A cantora Sula Miranda, considerada a "Rainha dos Caminhoneiros", por exemplo, vem manifestando seu apoio aos protestos desde esta quarta (23). 

Em vídeo publicado no Instagram, a cantora pede apoio e solidariedade aos manifestantes, promovendo a hashtag #demaosdadascomoscaminhoneiros. 

Em outra publicação, a cantora, que fez sucesso nos anos 1980 com a música "Caminhoneiro do Amor", pede que as pessoas levem água, lanches e suporte em orações para os caminhoneiros. 

O músico Roger Moreira, da banda Ultraje a Rigor, criticou o apoio da CUT (Central Única dos Trabalhadores) ao movimento, mas apoiou a greve. ​

O humorista Wellington Muniz, o Ceará, fez piada com a situação. Em vídeo gravado em um posto de combustível e publicado no Instagram, afirmou que o presente de dia dos namorados para sua namorada seria "um litro de gasolina". 

O escritor e humorista Gregório Duvivier, por sua vez, fez críticas ao governo Temer em sua conta no Twitter, afirmando que "o Brasil voltou 200 anos em 2". 

Já o apresentador César Filho, da Record, manifestou apoio à greve:

Por fim, a empresária e socialite Val Marchiori, conhecida por sua participação no reality "Mulheres Ricas", mas cujos negócios incluem uma transportadora, também manifestou apoio à greve.

 
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias