Celebridades

Alice Milagres, filha da intérprete da Filó, do bordão 'Ô coitado', foi bailarina antes de estrear em 'Malhação'

Atriz vive uma das protagonistas da novela teen da Globo

Gorete Milagres e a filha Alice Milagres
Gorete Milagres e a filha Alice Milagres - Reprodução Instagram/alicemmilagres
Descrição de chapéu Agora
Karina Matias
São Paulo

Alice Milagres, 22, já foi bailarina e até chegou a cursar a faculdade de arquitetura, mas não teve jeito: a paixão pela profissão de atriz falou mais alto.

Agora, ela comemora a conquista do papel de uma das protagonistas de "Malhação" (Globo), a sua quase xará, Maria Alice. "É especial interpretá-la, porque ela representa muitas meninas do Brasil que vivem longe das mães. Essas mulheres se mudam para trabalhar e conseguir sustentar suas famílias."

Na vida real, Alice conta que a mãe tem papel para lá de especial na sua trajetória. Ela é filha da atriz e comediante Gorete Milagres, conhecida do público como a Filó, do programa "A Praça É Nossa" (SBT).

"Não sei dizer se seria diferente caso a minha mãe não fosse artista, já que eu cresci nas coxias do teatro e nos bastidores da televisão. Mas o importante é que ela, quando percebeu que eu gostava de dançar e de fazer teatro, sempre me apoiou e me incentivou, mas com muita liberdade." 

Alice fez balé por mais de dez anos e chegou a integrar o corpo de baile da Companhia Cisne Negro, em São Paulo. “Eu também já estudava teatro nessa época. "Aos 15 anos, ela resolveu que não queria mais viver só para a dança.

"O balé me consumia muito, porque eram cinco horas por dia de ensaios, mais as competições no fim de semana. Eu não tinha tempo para curtir as coisas da minha idade, para ir às festinhas, beijar na boca”, diz.

Por volta dos 17 anos, quando teve de escolher um curso para prestar vestibular, Alice conta que estava meio perdida e, como também tinha habilidade para desenhar, optou por fazer arquitetura. Foi aprovada na UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

"Minha família morava em São Paulo, mas a minha mãe não teve dúvidas. Ela falou: 'Vai e aproveita para continuar, em paralelo, fazendo cursos de teatro; vai se aprimorando'", lembra. Logo no início da faculdade, Alice se deu conta de que tinha cometido um erro.

"Eu me perguntava: 'O que estou fazendo da minha vida nessa faculdade que não tem nada a ver comigo?’” A atriz decidiu, então, mudar para comunicação social e não parou de investir na carreira artística.

"Aproveitei que estava no Rio de Janeiro e fiz um cadastro na Globo. Só para 'Malhação', foram quatro anos tentando um papel. Finalmente consegui, estou muito feliz."

Para interpretar Maria Alice, a atriz conta que uma de suas referências é o filme “Que Horas Ela Volta?” (2015), com Regina Casé. Tanto a novela quanto o longa mostram a relação entre patrões e empregadas
domésticas.

No caso de Maria Alice, ela foge do interior para o Rio para voltar a morar com a mãe, Rosália
(Guta Stresser). "Ela tem consciência de que é filha da empregada, mas não abaixa a cabeça."

A jovem se envolve também com Alex (Daniel Rangel), namorado da filha da patroa de Rosália, o que gera grande confusão. Questionada se tem planos de atuar com a própria mãe, Alice diz que nunca pensou no  assunto. "Quem sabe um dia?"

Atualmente solteira e morando sozinha no Rio, Alice conta que aproveita os momentos livres para receber os amigos em casa, com uma boa comida mineira. "Sou nascida em Minas e tenho muito dessa influência. Sou caseira e amo cozinhar." Ela também revela que gosta de ir à praia e de ler.

Agora
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias