Celebridades

Após passar de cem quilos, Mariana Belém faz desabafo sobre emagrecimento

Cantora é filha de Fafá de Belém 

A cantora Mariana Belém em foto publicada no seu Instagram
A cantora Mariana Belém em foto publicada no seu Instagram - Reprodução Instagram/maribelem

São Paulo

"Realmente não entendo", disse a cantora Mariana Belém sobre as dúvidas que têm surgido acerca do seu processo de emagrecimento saudável e com acompanhamento de especialista. 

Segunda a artista, quando sua filha Júlia, que hoje tem dois anos, nasceu, ela pesava 103 quilos. Após a amamentação, foi emagrecendo naturalmente até chegar aos 92 quilos. Foi quando Mariana procurou um médico que a ajudou a chegar aos 70 quilos, com a silhueta bem mais enxuta. 

"Há um mês e meio, mudei de médico pois precisava investigar mais coisas na minha saúde, como meus hormônios e meu colesterol", continuou a cantora em publicação feita no Instagram neste sábado (7). "Tenho duas filhas e não sou uma irresponsável de emagrecer a qualquer preço —aliás, cuidar do meu colesterol significa estar com elas por muito mais tempo nessa vida."

Mariana, que seguiu os passos da mãe cantora, Fáfá de Belém, ensaia seu musical das 10h às 18h, com um dia de folga na semana. "Meu médico me deu um regime que acompanhasse meus ensaios. Junto à isso, tomo vitaminas e faço estética quando dá tempo. Em dois meses com ele, já foram mais quase 9 quilos. Não há nada de estranho ou suspeito."

O desabafo na rede social foi feito após a cantora ser acusada de recorrer a métodos como cirurgias ou remédios. 

"Por favor, parem de julgar o que não sabem. Sou disciplinada, 'CDF' como diz minha mãe. A beleza não está na magreza, mas na minha saúde e no meu bem-estar. Tenho acompanhamento de profissionais sérios e uma equipe no musical que fica de olho se estou comendo ou não nos intervalos. Olhem para vocês e se dediquem a melhorar ou se sentir melhor com o que lhes incomoda (profissão, espiritualmente, o que seja), não deduzam ou apontem dedos para o que desconhecem, por favor."

 
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem