Celebridades

Gisele Bündchen rebate críticas após dar 'lição de moral' nos filhos

Modelo foi ouvida consolando as crianças após a derrota do marido na final do Super Bowl

Gisele Bündchen
Gisele Bündchen rebateu críticas após ser ouvida falando com os filhos - Reprodução/Gçpbp

São Paulo

Gisele Bündchen, 37, reclamou das críticas que recebeu ao ser ouvida consolando os filhos após a derrota do marido, Tom Brady, 40, na final do Super Bowl.

Um repórter do USA Today ouviu a modelo explicando para Benjamin, 8 , e Vivian, 5, que seu pai já havia vencido o Super Bowl cinco vezes, mas que o time concorrente, os Eagles, nunca venceram.

"Eles nunca ganharam um Super Bowl. Vocês precisam deixar outra pessoa ganhar às vezes. Temos que compartilhar. Compartilhar é se importar", ela teria dito às crianças, que choravam com a derrota do pai.

Os internautas e a atriz Whoopi Goldberg criticaram a modelo, que interpretaram suas palavras como se os Eagles só tivessem ganhado porque os Patriots deixaram.

Incomodada, a brasileira usou o Twitter para esclarecer o comentário. "Apenas para esclarecer. Ninguém 'deixa' ninguém ganhar. As pessoas ganham por seu próprio mérito. Estou cansada de as pessoas distorcerem minhas palavras para criar um drama que não existe", escreveu.

Contudo, parte dos noticiários americanos viram a mensagem de Bündchen como uma lição de humildade e de espírito esportivo. Alguns internautas também destacaram que, pelo fato da modelo ser estrangeira, ela poderia ter dificuldades para se expressar em inglês.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem