Celebridades

'Quer aparecer', '​mimimi' e 'vitimismo': 'haters' atacam Taís Araújo após discurso da atriz viralizar



"A Taís Araújo deve ser discriminada dentro da Rede Globo e resolveu descontar na sociedade brasileira"; "Quer a receita pra aparecer entre os TTs? Faça como a Taís Araújo: vitimize-se! Se faça de coitadinha! Sucesso garantido!"; e "Uma frase que agride a lógica e a estatística. Se metade da população é negra ou parda, esses racistas da Taís Araújo teriam que andar no meio da rua" são alguns dos comentários que aparecem quando procura-se o nome "Taís Araújo" no Twitter. 

Nesta quinta (16), após o discurso da atriz durante o TEDxSaoPaulo viralizar nas redes sociais, seu nome foi parar entre os assuntos mais comentados do microblog. No evento, que aconteceu na capital paulista em agosto, Araújo falou sobre "como criar crianças doces num país ácido" —ela e o marido, o também ator Lázaro Ramos, são pais de duas crianças, João Vicente e Maria Antônia. 

"Quando eu engravidei do meu filho, eu fiquei muito aliviada de saber que no meu ventre tinha um homem. Porque eu tinha a certeza de que ele estaria livre de viver situações vivenciadas por nós mulheres. Certo?", diz trecho do discurso.

"Errado. Porque meu filho é um menino negro. Liberdade é um direito do qual ele não vai poder usufruir. No Brasil, a cor do meu filho é o que faz que as pessoas mudem de calçada, segurem suas bolsas, blindem o seus carros".

Araújo também foi criticada por "haters" nos comentários de parte do vídeo que publicou na sua conta no Instagram. 

"Essa mulher é a maior racista do Brasil", disse um internauta. "A maior racista do Brasil, já chega dessa idiotice de preconceito, ninguém anda atravessando a rua quando ver uma criança negra, menos colega", disse outro usuário da rede social. 

APOIO 

Apesar das críticas, a atriz também foi muito reverenciada. "Tais, acabei de ver o vídeo completo e concordo com tudo o que voce disse. Eu, como mulher branca, tento ao máximo melhorar minhas ações com mulheres e homens negros. Muito bom que você fale sobre isso, porque infelizmente o racismo ainda está presente no Brasil. Espero que futuramente essas diferenças diminuam", disse uma comentarista. 

Outras pessoas defenderam a artista dos ataques. "Uma mulher, negra, bem sucedida incomoda. Preconceitos a parte, parabéns Tais. Colocações excelentes. Por menos intolerância" e "Pra dizer que o discurso da Taís Araújo é 'mimimi exagerado', a pessoa só pode ser branca, viver num mundinho fechado e ser ridiculamente ignorante" foram alguns dos comentários. 


Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias