Celebridades

Edson Celulari e Karin Roepke se casam em cerimônia íntima na Itália, diz colunista 



Os atores Edson Celulari, 59, e Karin Roepke, 35, se casaram durante uma viagem pela Itália há cerca de duas semanas.

A cerimônia foi íntima e para poucos convidados. Eles se casaram na cidade de San  Quirico  D'orcia, na Toscana. Entre os convidados estavam os filhos Enzo e Sophia, além da mãe do ator, Enoy  Celulari. Nos últimos dias, o ator postou fotos nas redes sociais com os filhos e com a mulher em Roma e Montalcino.

A informação foi divulgada primeiro por Roberta Jungmann, colunista do site "Folhape", e depois por Leo Dias, colunista do jornal "O Dia" e apresentador do programa "Fofocalizando", do SBT. O "F5" entrou em contato com a assessoria do ator que respondeu apenas que "não sabia".

Celulari e Roepke se conheceram em 2010 no musical Hair Spray, mas só assumiram o namoro em janeiro de 2012.

Considerado um dos atores mais bonitos da televisão, Celulari foi casado com a atriz Claudia Raia por 17 anos. Em julho de 2010, Cláudia e Edson anunciam o fim do casamento de forma amigável.

CÂNCER

Em junho de 2016, Celulari usou sua conta no Instagram para confirmar o diagnóstico do linfoma não-Hodgkin, o mesmo que acometeu o ator Reynaldo Gianecchini e a ex-presidente Dilma Rousseff.

Com maior incidência em pessoas com mais de 60 anos, a doença é uma das que melhor responde ao tratamento com radioterapia e quimioterapia, segundo informações da Sociedade Brasileira de Cancerologia.

Depois de travar uma batalha contra o câncer, Celulari foi escalado este ano para viver o executivo Dantas em "A Força do Querer", de Glória Perez, que terminou recentemente e foi um dos grandes sucessos da Globo na faixa das nove.

Roepke esteve ao lado de Celulari durante todo o tratamento médico. Em fevereiro deste ano, a atriz brasiliense afirmou que gostaria de ter filhos com o ator.

"Moramos juntos e pensamos em ter filho mais para frente. Mas a prioridade agora é a profissão, ainda mais agora que ele se recuperou. Então, é uma coisa a longo prazo, não para agora. Daqui a um tempo", disse Roepke, em entrevista ao jornal "Extra".

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem