Celebridades

Como ficará a carreira de atriz de Meghan Markle após o casamento com o príncipe Harry?



Meghan Markle tem até agora, sob qualquer aspecto, uma carreira de sucesso como atriz.

Desde 2011 ela tem sido uma das protagonistas da série "Suits", atualmente produzida e exibida pela Netflix.

Ela também apareceu em outras séries famosas, como "CSI" e "Fringe", e em alguns filmes: "O Pior Trabalho do Mundo" (2010), "Lembranças" (2010), "Quero Matar Meu Chefe" (2011) e "Anti-Social" (2015).

Mas sua carreira é compatível com o que se espera da mulher de um príncipe? Ela poderá continuar a atuar ou será obrigada a ter um papel mais discreto em alguma área tradicional de trabalho da realeza?

DESPEDIDA DE 'SUITS'?

Meghan (de branco) vive a estudante de direito Rachel Zane na série "Suits"
Meghan (de branco) vive a estudante de direito Rachel Zane na série "Suits" - REX/SHUTTERSTOCK/Reprodução BBC

Especula-se que Meghan abrirá mão de seu papel como a estudante de direito Rachel Zane em "Suits", drama que retrata a vida em um escritório de advocacia em Nova York.

A atriz se mudou dos EUA para Toronto, no Canadá, por causa da série, que é filmada lá. E, ao se casar com Harry, ela viverá em Londres, o que aumenta ainda mais a aposta de que ela não continuará no elenco.

No início de 2018, Meghan ainda será vista em "Suits", já que a segunda parte da 7ª temporada ainda não foi exibida.

A imprensa americana e a britânica têm dito que tanto ela quando o ator Patrick J. Adams deixarão a produção.

A CARREIRA DE OUTRAS PRINCESAS

A julgar pela carreira de outras noivas da realeza, Meghan deve em breve apostar em trabalhos fora da área artística.

Diana foi professora do jardim de infância antes de se tornar princesa; na foto, ela aos 19, na escola St. George's Square em Londres
Diana foi professora do jardim de infância antes de se tornar princesa; na foto, ela aos 19, na escola St. George's Square em Londres - Reprodução BB

Antes de se casar com o príncipe Charles, Diana foi babá e professora em um jardim de infância em Londres. Após o casamento, nunca voltou ao trabalho.

Sarah Ferguson, ex-mulher do príncipe Andrew, trabalhou como relações públicas, no ramo editorial e numa galeria de arte antes de virar a duquesa de York.

Já Kate Middleton, antes de casar com William, trabalhou como compradora de acessórios para uma marca de moda e na empresa de eventos de seus pais.

Sophie, mulher do príncipe Edward, filho mais novo da rainha Elizabeth, continuou trabalhando em sua empresa de relações públicas, mas teve que deixar o cargo de presidente após um escândalo em que se envolveu - ela falou mal de representantes do governo e da família real a um jornalista disfarçado.

De acordo com o Ato de Sucessão à Coroa de 2013, as seis primeiras pessoas na linha de sucessão do trono precisam da aprovação do soberano para se casar. Harry é o quinto na linha, então há a obrigação de a noiva cumprir com normas da realeza se quiser se unir com alguém da família real.

Isso deverá excluir papéis românticos como o de Meghan em "Suits".

'SEMPRE QUIS SER UMA MULHER QUE TRABALHA'

Além do trabalho como atriz, Meghan atua há anos em organizações de ajuda humanitária.

Ela é defensora da igualdade de gênero e uma das embaixadoras da ONU para os direitos das mulheres.

Meghan fala em um evento que promove o papel das mulheres nas telecomunicações    Meghan Markle créditos
Meghan fala em um evento que promove o papel das mulheres nas telecomunicações Meghan Markle créditos - Tasos Katopodis/Getty Images/BBC

Até abril deste ano, a atriz mantinha um blog de estilo de vida dedicado a assuntos femininos.


Em uma de suas postagens no blog, ela escreveu que "nunca quis ser uma mulher que almoça", mas sim "uma mulher que trabalha".

"Parece que ela está desistindo da carreira de atriz para se casar com Harry - e conquistará seu papel no mundo humanitário", diz Roya Nikkhah, correspondente de assuntos da família real do jornal britânico The Sunday Times.

A família real britânica conduz vários trabalhos humanitários, e atuar em prol das mulheres pode ser uma das áreas nas quais Meghan poderá direcionar suas energias.

As obrigações dos membros da realeza podem consumir muito do seu tempo. Mas será que a independente Meghan ficará satisfeita caso acabe mesmo desistindo da carreira como atriz?


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem