Celebridades

Lívia Andrade e Klara Castanho defendem Maisa após fora em Dudu Camargo

Lívia Andrade e Klara Castanho saíram em defesa de Maisa Silva após ela ter sido criticada na web pelos "foras" que deu no apresentador Dudu Camargo no "Jogo dos Pontinhos", do "Programa Silvio Santos", no último domingo (18).

Participante frequente do quadro, Lívia elogiou a sinceridade da colega de emissora no Twitter. "Maisa mostrando que pra ser artista não é preciso fazer média com todo mundo, mentir para o público isso sim é feio! Sinceridade merece".

Já Klara comentou o caso em um tuíte enviado diretamente para a amiga. "A maior parte da sociedade não está pronta para a sinceridade, se contenta com a superficialidade. Girl Power", escreveu. Maisa compartilhou a mensagem: "Será se amo Klara Castanho?"

OS FORAS

Maisa virou sensação nas redes sociais após dar uma série de foras em Dudu Camargo, apresentador do Primeiro Impacto. Os "chega pra lá" vieram após Silvio afirmar que trouxe os dois ao Jogo dos Pontinhos porque tanto a atriz, de 15 anos, quanto o apresentador, de 19, estavam solteiros.

A atriz não gostou e foi direta na resposta: Não estou aqui pra arrumar namorado, eu estou aqui pra participar do programa. Dá licença, Silvio, pelo amor de Deus. Isso é um ultraje, isso é constrangedor, você me submeter a uma situação dessa. Eu tô aqui para jogar o jogo.

O dono do SBT insistiu, e Maisa então disse que Dudu não fazia o tipo dela. Ele não faz meu tipo, eu não posso fazer nada. Ele é muito engessado, não parece que é de verdade. Ele fala esquisito. Ninguém é assim o tempo todo, as pessoas gostam de gente de verdade.

Ele é todo engomadinho, ele faz essa voz. Eu duvido que ele fala assim acordando. Eu não gosto tanto de formalidade, completou

Nas redes sociais, a reação de Maisa dividiu o público, e ela se defendeu: "Pras pessoas que estão me chamado de grossa, nem todo mundo é obrigado a aceitar 100% das coisas que ouve e eu não me desculpo pela sinceridade".


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem