Bichos

Homem encontra 15 mil abelhas em carro depois de fazer compras no supermercado

Enxame foi removido por bombeiro que também é apicultor

O bombeiro Jesse Johnson remove enxame de abelhas do carro
O bombeiro Jesse Johnson removeu o enxame do carro - Reprodução/Corpo de Bombeiros de Las Cruces
The New York Times

Um homem que acabara de fazer compras em um supermercado encontrou um enxame de 15 mil abelhas no banco de trás de seu Buick ao voltar de uma parada de dez minutos na tarde de domingo (28) em Las Cruces, Novo México (EUA). Ele havia deixado a janela do Buick aberta.

Apenas quando começou a dirigir ele percebeu algo errado, segundo informações do Corpo de Bombeiros de Las Cruces.

Um bombeiro e paramédico de folga, cujo hobby é a apicultura, disse que o homem ligou para pedir ajuda porque não sabia o que fazer.

O bombeiro Johnson, 37, tinha acabado de terminar um churrasco em família quando recebeu a ligação do Corpo de Bombeiros e percebeu que poderia remover e realocar com segurança as abelhas para sua propriedade.

“Farei de tudo para evitar que as pessoas matem as abelhas”, ele disse.

É comum na primavera que as colônias de abelhas se dividam, com um enxame seguindo uma rainha para outro local, de acordo com o bombeiro.

Ele sugeriu que as abelhas, que coletivamente pesavam cerca de um quilo, podem ter vindo de um parapeito ou de uma casa em um bairro próximo. Johnson disse que a janela aberta do carro era um lugar convidativo para as abelhas se abrigarem até que pudessem encontrar um lar mais permanente.

“Felizmente, quando as abelhas estão enxameando, elas são muito dóceis”, disse. “Elas não têm uma casa para proteger por um momento. É muito mais intimidante do que perigoso.”

O motorista do carro ficou preocupado porque o veículo era emprestado de um amigo.

Protegido por uma jaqueta de apicultor e um véu branco, o bombeiro se aproximou do carro com uma caixa de colmeia vazia tratadao com óleo de capim-limão.

“Realmente imita o cheiro da rainha”, disse.

Embora este tenha sido um dos maiores enxames que ele realocou, Johnson disse que poderia ter concluído a delicada tarefa em apenas cinco a dez minutos. Mas ele não queria se apressar, então passou de 20 a 30 minutos no local. Ele colocou as abelhas na caixa da colmeia vazia e carregou-a no caminhão para voltar para casa.

Ninguém ficou ferido com gravidade, embora um segurança do supermercado e um bombeiro tenham sido picados.

“Um cara foi picado no lábio e zombamos dele na manhã seguinte”, disse Johnson.

Um representante da rede de supermercados Albertsons não quis comentar e encaminhou as perguntas ao Corpo de Bombeiros de Las Cruces.

O chefe Jason Smith, do Corpo de Bombeiros de Las Cruces, disse em uma entrevista na quarta-feira (31) que Johnson se destacou como atendente de emergências.

“Ele estava definitivamente disposto a descer e ajudar a tripulação”, disse o chefe Smith.

O Corpo de Bombeiros normalmente não remove os enxames, mas o chefe Smith disse que, como as abelhas estavam em uma área de tráfego relativamente alto e eram dóceis, fazia sentido para Johnson removê-las.

“Adotamos uma abordagem mais paciente ou deliberada para tentar deixar as abelhas fazerem o que precisam para encontrar um novo lar”, disse ele.

Johnson disse que tem quatro colmeias em sua casa e já teve até 12. Seus esforços no domingo virão com um adoçante, ele disse: mel.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem