Bichos

Observador faz clique raro de passarinho que é metade macho e metade fêmea

Trata-se de um ginandromorfo bilateral, que tem o corpo dividido ao meio

O raro cardeal do norte, metade macho, metade fêmea - Jamie Hill
São Paulo

Um pássaro raro foi clicado por um observador nas proximidades da cidade de Erie, no estado americano da Pensilvânia, na semana passada. Trata-se de um cardeal-do-norte que é metade macho e metade fêmea.

Os pássaros dessa espécie têm penas vermelhas quando são do sexo masculino. Enquanto isso, as fêmeas têm penas mais claras. No caso do pássaro avistado, ele tinha ambas.

Trata-se de um ginandromorfo bilateral, o que é extremamente raro, que tem o corpo dividido ao meio e poderia, em teoria, acasalar tanto com um macho quanto com uma fêmea e produzir filhotes. Ele difere de um hermafrodita, por exemplo, que compartilha os órgãos reprodutivos masculino e feminino.

A imagem foi registrada por Jamie Hill, 69, que tem esse hobby há cerca de 50 anos. "Foi uma das experiências de uma vida", disse ele ao USA Today.

Ao blog Erie Bird Observatory, ele comentou: "Este pássaro teria um ovário funcionando em seu lado esquerdo e um único testículo funcionando em seu direito". "Tenho observado pássaros há 48 anos e tive um encontro de pássaros que ocorre uma vez na vida, um em um milhão", comemorou.

Um dos primeiros casos de ginandromorfismo bilateral foi registrado em 1752. Tratava-se de uma lagosta. Desde então, outros animais —de galinhas a borboletas— com a condição já foram encontrados.

No caso do cardeal-do-norte, a diferença na plumagem faz com que eles sejam mais facilmente percebidos. Um pássaro semelhante foi localizado há alguns anos perto da mesma cidade.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem