Bichos

Crianças dão as boas-vindas a Fu Bao, primeira panda nascida na Coreia do Sul

Animal pesa 5,8 quilos e tem 58,5 centímetros de comprimento

Panda Fu Bao em Yongin, na Coreia do Sul
Panda Fu Bao em Yongin, na Coreia do Sul - Kim Hong-Ji-4.nov.2020/Reuters
Hyonhee Shin Minwoo Park
Seul

A primeira panda nascida na Coreia do Sul foi apresentada a um grupo de crianças e repórteres privilegiados nesta quarta-feira (4) e batizada de Fu Bao, que significa tesouro sortudo.

Fu Bao, que nasceu há três meses, parecia saudável e feliz, ainda que um pouco tímida, quando o zoológico a apresentou às crianças, que usavam camisetas de panda e máscaras, em seu lar no parque temático de Everland. "Nós te amamos, Fu Bao", gritaram as crianças.

Os pais de Fu Bao, a fêmea de sete anos, Ai Bao, e o macho de oito anos, Le Bao, chegaram em 2016 vindos da província chinesa de Sichuan, lar dos pandas-gigantes, como parte da "diplomacia do panda" da China.

Os pandas-gigantes são uma das espécies mais ameaçadas do mundo, e o nascimento de um filhote é algo a ser comemorado. As pandas fêmeas só podem conceber uma vez por ano por um período limitado, e os filhotes têm chances de sobrevivência muito baixas, já que muitas vezes são prematuros, normalmente pesando menos de 200 gramas.

Fu Bao pesava 197 gramas e tinha 16,5 centímetros de comprimento ao nascer, mas cresce rápido e agora pesa 5,8 quilos e tem 58,5 centímetros de comprimento, disse o Everland. "Ela está crescendo rapidamente, começou a ter dentição e a se sentar sozinha antes de seu 100º dia", informou o zoológico em um comunicado.

Cerca de 50 mil pessoas participaram de uma enquete para escolher o nome de Fu Bao. O zoológico disse que ela fará sua estreia pública nas próximas semanas, quando poderá andar e comer bambu. Ela deve voltar à China em três ou quatro anos.

Reuters
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem