Astrologia

Confira as previsões astrológicas desta semana, de 15 a 20 de setembro

Astróloga Márcia Fervienza conta as principais novidades

Horóscopo - Fotolia
São Paulo

Esta semana traz novidades inesperadas envolvendo finanças ou relacionamentos. Segundo a astróloga Márcia Fervienza, colunista do portal Personare, o período requer muita atenção.

Nesta terça-feira (15) Vênus, o planeta da harmonia, tem um encontro tenso com Urano, indicando que questões relacionadas ao que queremos ou valorizamos precisam de uma atualização radical para que possam continuar sendo válidas e continuar existindo. Se houver resistência a mudança, pode haver uma quebra.

No que diz respeito a finanças, este encontro pode indicar tanto ganho quanto perda de dinheiro. Em alguns casos, abre-se uma oportunidade de ganho de dinheiro adicional por meios não convencionais - talvez através da nossa arte ou de um hobby. Já na quinta-feira (17), uma lua nova em virgem indica o início de um novo capítulo que envolve uma escolha.

A lua nova fará quadratura aos nodos norte e sul, indicando que para progredir será preciso deixar algo para trás. E este algo pode envolver um ideal, algo no qual investimos tempo e sentimento, mas que as circunstâncias não indicam mais qualquer possibilidade de desenvolvimento e crescimento.

Como este novo começo ocorre com o suporte de Saturno e Plutão, sabemos que o que tem início é sólido, sério e tem perspectiva de duração e existência de médio-longo prazo. Renunciar ao passado aqui te levará a um lugar melhor e mais estável. Tenha cuidado, no entanto, com expectativas exageradas e irrealistas.

No mesmo dia, Mercúrio em Libra faz quadratura a Júpiter em Capricórnio, sugerindo promessas grandes demais para o que a realidade permite. Não se trata de não pensar ou sonhar grande, mas sim de sabermos das nossas possibilidades reais para não nos comprometermos com mais do que podemos entregar. Ao assinar documentos, esteja atenta as letras pequenas e não se deixe levar pelas expectativas em detrimento do seu foco nos detalhes.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem