Você viu?

Boneca para meninos: Mariana Ferrão conta a experiência dos filhos com o brinquedo e divide internautas 

Mãe de Miguel, 3, e João, 1, Mariana Ferrão relatou a experiência de presentear os filhos com uma boneca — prática que ela pretende difundir entre outras crianças. 

"Não estranhem se nos próximos aniversários eu distribuir bonecas para os meninos", disse. 

O relato da apresentadora do "Bem Estar", da Globo, foi publicado no Instagram nesta quinta (6). 

Juntos, ela e os dois filhos brincaram de dar comida e banho no novo brinquedo.

Segundo a artista, a experiência até ajudou a acalmar João, que tem medo de chuveiro e chorou quando percebeu que não iriar sentar na banheira. 

"[Miguel] Ajudou a dar banho na boneca na tentativa de distrair o irmão. Depois teve a ideia de encher a jarrinha de água e entregar na mão do João para que ele mesmo jogasse na própria barriga. Fomos enchendo a jarrinha e as panelas e o João jogando nele mesmo . Miguel entusiasmado que tinha conseguido reverter a situação".

Depois do banho, o mais velho quis dar mamadeira para a boneca na cadeira de amamentação que eles têm em casa — Mariana amamenta João. "[Ele] se deliciou de saber que além de ser cuidado também é capaz de cuidar". 

POLÊMICA

Nos comentários da publicação, internautas elogiaram a atitude.

"É isso! Aqui em casa meu João tem panelas, comidas, carrinho de supermercado! Muito bom ter alguém como você dividindo essa experiência com todos! #preconceitonao", disse uma mulher.

"Nossa que ideia superbacana e pedagógica!!! Ensinar as crianças a lidar com o lado afetivo e já quebrando o machismo. Parabéns", escreveu outra usuária da rede social. 

Mas o agrado não foi unânime. Uma mulher perguntou se o ato não iria "confundir" os meninos. 

"Uma coisa é meninos e meninas brincarem juntos, dividindo os carrinhos, bolas, bonecas, panelinhas, com meus filhos e netos acontece sempre, sem problema. Mas comprar uma boneca... sei não...", disso outra mãe. 



Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem