Música

Após sucesso em comerciais e novela, João Côrtes se prepara para lançar primeiro CD

João Côrtes, 22, o famoso ruivinho que fazia propagandas para uma operadora de celular, tem duas paixões: atuação e música.

Na carreira de ator, ele ganhou destaque ao interpretar o personagem Peppino, em "Sol Nascente", novela das 19h da Globo que terminou em março. Como cantor, seu trabalho ainda é diamante bruto, que aos poucos vem sendo lapidado.

"As pessoas se surpreendem muito. Ninguém acha que eu sou cantor, que vai sair de mim uma voz legal pra cantar com banda", diz ele, que até o fim do ano pretende lançar seu primeiro CD, batizado de Elevador Gourmet.

É uma parceria com seu pai, o músico Ed Côrtes. "A ideia é que o CD tenha uma parte autoral e outra com rearranjos de jazz com pop", define.

INFLUÊNCIAS 

A verdade é que João sempre teve uma conexão forte com a música, pois a família paterna é envolvida nesse meio.

"Eu cresci num ambiente musical muito intenso. No Natal, nas festas, sempre tinha muita música envolvida. Acabei seguindo por esse caminho de forma natural, quase inevitável. Mas como num determinado momento acabei seguindo a profissão ator, eu não tinha dado tanta vazão ao lado musical até então", explica.

Com o tempo, a música passou a ocupar mais espaço na vida de Côrtes. Há cerca de quatro anos, ele faz aulas de piano e de canto com a avó paterna, Efigênia, que é cantora lírica. "Estou me apaixonando cada vez mais. Ele também toca bateria e percussão".

A primeira vez que o artista cantou profissionalmente foi na banda Oito do Bem, da qual seu pai faz parte há mais de uma década.

"Eu sempre assistia às apresentações do grupo. No final de 2015, meu pai me convidou para entrar no lugar do antigo cantor, que saiu da banda. Fizemos viagens, shows. Foi minha primeira imersão mais profissional como cantor e músico", relembra. 

A ideia de lançar o CD surgiu justamente por conta dessa sequência de shows com a banda. "Foi uma vontade nossa, minha e do meu pai, de querer compor coisas e fazer um projeto de jazz bacana. E da minha vontade de cantar mais, ter um disco meu, de ter uma plataforma em que a gente pudesse fazer shows, apresentar para as pessoas".

SEM PRETENSÃO 

Apesar da forte identificação com a música, João Côrtes deixa claro que não tem pretensão, por enquanto, de se tornar um cantor famoso.

"Acho que se você levar sem muita pretensão, só pelo prazer de curtir isso, não precisa de rótulo nenhum. Eu sou um ator, que sempre tive muita conexão com a música, e continuo fazendo música porque amo. A princípio levo como um hobby, um prazer a parte".

PLAYLIST ATUAL 

Ao "F5", o artista diz que seus ritmos musicais favoritos são blues e funk americano. "Minha voz também se identifica com essa vibe", diz.

E faz um top five das músicas que mais ouve no momento:

Never Let It Go (Dom Lewis)

Hear Me Now (Alok ft. Bruno Martini)

Sing (Ed Sheeran)

This  Love (Maroon 5)

Suddenly I See (KT Tunstall)


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem