Celebridades

'Passou. Não sinto falta', diz Emilly Araújo sobre participantes do 'BBB'

Emilly Araújo não se preocupa em manter vínculo com ex-colegas do "Big Brother Brasil". Ela, que colheu muitas inimizades no jogo, diz que o reality show já faz parte do passado.

"Estava vivendo na casa do BBB como aqui fora. Na vida real, tive amigas e relacionamentos passageiros. Então, aquilo pra mim passou. Não sinto falta. Todas essas pessoas fizeram parte do meu caminho, da minha história e me ensinaram muito. Estou aberta para quem quiser agregar e não me atrasar", disse a ex-BBB em entrevista para o site oficial do programa.

A vencedora do "BBB17" conta o que tem saudade do anonimato: "Sinto falta de ser a Emilly despreocupada, que pode sair de pijama, chinelo ou descalça. Hoje eu tenho que tomar cuidado em tudo que falo, visto ou como. Não que seja um incômodo, mas sinto um pouco de falta da despreocupação".

Emilly, que viveu na casa um polêmico relacionamento com Marcos, disse que o homem ideal precisa respeitá-la. O cirurgião plástico foi expulso sob acusação de agredir fisicamente e psicologimante a ex-namorada.

"Um homem para me conquistar precisa ser homem. Sei que existem homens de 20 anos e moleques de 40. Ele precisa me respeitar e respeitar minha família. Precisa ser gentil e ambos precisam se respeitar e amar, isso é o mais importante", afirmou.

Ela ainda disse que se inspira em estrelas globais, como Isis Valverde, Bruna Marquezine, Grazi Massafera e Deborah Secco.


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem