Celebridades

TOP 5 – Relembre 5 declarações curiosas de Prince ao longo da carreira

Não eram apenas clássicos como “Purple Rain” e “Kiss” que saíam da boca de Prince, encontrado morto nesta quinta-feira (21), de causas ainda não divulgadas.

O “showman” dos palcos também era um especialista em dar declarações ao menos curiosas –para não dizer polêmicas– em suas entrevistas.

Prince já afirmou a falta de liberdade religiosa em alguns países islâmicos é boa, disse que a música foi responsável pelo fim do casamento dos seus pais e criticou o uso de computadores e de aparelhos eletrônicos por achar que eram números entrando nas cabeças das pessoas.

Confira cinco declarações polêmicas de Prince:

5 - Você precisa viver uma vida para entender a música

“Claro que os brancos não entendem a minha música. Quantos negros entendem? Brancos são muito bons em categorizar as coisas. E se você disser a eles qualquer coisa, eles vão lembrar, vão escrever livros sobre. Mas entender? Você precisa viver uma vida para entendê-la. Turistas apenas visitam os lugares.” (Ao “The Face”, em 1983).

4 - As pessoas vestem uma burca e estão felizes assim

“É divertido estar nos países islâmicos e saber que há apenas uma religião neles. Há ordem. Você veste uma burca. Não há escolha. As pessoas estão felizes assim.” (Ao “The Guardian”, em 2011)

3 – Não me considero melhor que uma pessoa que não seja famosa

“Não sou diferente de ninguém. Sim, tenho fama, dinheiro e talento, mas eu certamente não me considero melhor que uma pessoa que não seja famosa. As pessoas me fascinam. Elas são incríveis. A vida me fascina. E não são mais fascinados pela minha que pelas das outras pessoas.” (Ao “NME”, em 1996)

2 – Os computadores vão encher a cabeça com números

“A internet está completamente acabada. Não vejo por que devo dar a minha nova ao iTunes ou a qualquer pessoa. Eles não me pagam antecipadamente por elas e depois ficam irritados se não as conseguem. De qualquer forma, todos esses computadores e aparatos digitais não são bons. Eles apenas vão encher sua cabeça com números, e isso não pode ser bom.” (Ao “Daily Mirror, em 2010).

1 – Minha mãe e meu pai se separaram por causa da música

“Minha mãe queria que eu fosse para a escola, para a faculdade. Ela me mandou para várias escolas diferentes. Mas eu não tinha tanto interesse por estudar quanto tinha pela música. E acho que ela e meu pai se separaram por causa da música. Alguns músicos realmente dependem do humor. Algumas vezes, eles precisam de muito espaço, querem tudo certo naquele momento. Meu pai pensava assim, mas minha mão não lhe dava muito espaço.” (Ao “New York Rocker”, em 1981)

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias