Celebridades

Angelina Jolie visita refugiados sírios no Líbano no quinto aniversário da guerra

Atriz e embaixadora da ONU, Angelina Jolie visitou os refugiados sírios no Líbano nesta terça-feira (15), em que o conflito completa cinco anos.

"Nunca devemos esquecer que por causa do foco na situação dos refugiados na Europa, a pressão maior está sendo sentida no Oriente Médio e no norte da África, nos últimos cinco anos", disse Angelina.

A atriz conheceu Khulud, 38, mãe de quatro filhos que vive com a família numa tenda no vale Beeka, no oeste do Líbano. Há três anos, ela levou um tiro de um soldado e ficou paraplégica.

"Durante nossa conversa ela não pediu nada, continuou sorrindo e só falou sobre o seu desejo de que os filhos pudessem ir à escola e ter uma vida melhor", relatou Angelina. "Quando vi seu lindo sorriso e seu marido e filhos cuidando dela, temi por eles. Eles são heróis para mim. E pensei: 'como chegamos a um ponto em que pessoas tão heroicas são levadas a agir como mendigos?'"

Mais tarde, Jolie visitou Beirut, onde conheceu um grupo de mulheres vivendo em péssimas condições em um abrigo úmido, que deixava elas e suas famílias expostas a doenças.

Jolie, que já visitou refugiados antes, apelou a governos ao redor do mundo para ajudar os cerca de 5 milhões que vivem nessa situação. 

A atriz pediu "consciência, calma e responsabilidade" pela crise migratória internacional, que em 2015 viu mais de 1 milhão procurar asilo na Europa. "Não podemos deixar os medos ficarem maiores que a gente", disse, lembrando que o Líbano, apesar de pequeno, recebeu mais de 1 milhão de refugiados sírios desde 2011.

"Meu pedido hoje é que precisamos de governos ao redor do mundo que mostrem liderança: analisem a situação e entendam o que exatamente seu país pode fazer, não com base nas emoções, mas sim numa avaliação comedida e responsável".

A guerra Síria começou em 2011 como um movimento pacífico pró-democracia que enfrentou uma repressão brutal do governo. Desde então, se desenvolveu em uma guerra que expulsou 5 milhões de pessoas do país e deixou outras 6,5 milhões desabrigadas.

Angelina Jolie visita refugiada síria
Angelina Jolie visita refugiada síria - LESLIE KNOTT; AFP
Angelina Jolie visita refugiada síria

Angelina Jolie visita refugiada síria

LESLIE KNOTT; AFP

 

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias