Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Você viu?

Motorista de aplicativo expulsa mulher racista do carro nos Estados Unidos

Passageira pergunta se condutor é branco e fala inglês

Motorista de aplicativo expulsa mulher racista do carro
Motorista de aplicativo expulsa mulher racista do carro - Reprodução
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O motorista de aplicativo James Bode viralizou nas redes sociais após compartilhar um vídeo expulsando uma passageira racista do carro. O incidente aconteceu na noite de sexta-feira (13), em Catasauqua, Pensilvânia, nos Estados Unidos.

O vídeo gravado pelo motorista mostra a mulher entrando no carro e e perguntando se ele é branco. Sem entender o que a mulher fala, o motorista pergunta: "O que é isso?" Ela insiste: "Você é como um cara normal, tipo você fala inglês?"

"Não, você pode sair do carro", Bode responde para a mulher. "Você está falando sério?", pergunta a passageira Ele explica que a fala dela é inapropriada. "Isso é completamente inapropriado. Se alguém não fosse branco sentado nesta cadeira, qual seria a diferença?"

Segundos depois, um homem, que acompanhava a mulher, pergunta o que estava acontecendo e o motorista explica. Neste momento, tem início a discussão e o casal é expulso do carro. O acompanhante da mulher xinga o motorista e diz que ele deveria levar um soco na cara.

Quando a mulher sai do carro de Bode, o homem pode ser ouvido usando um insulto racial e dizendo para ele "cair fora daqui". Bode olha pela janela e diz que vai chamar a polícia.

O motorista compartilhou o vídeo em seu perfil no Facebook e disse que registrou um boletim de ocorrência contra o casal pela ameaça de agressão. "Se você me deixar desconfortável, farei o mesmo, especialmente no meu carro ou propriedade", escreveu ele no Facebook.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem