Você viu?

Companhia de trem japonesa pede desculpas após trem sair 25 segundos adiantado

Um cliente se sentiu prejudicado e investigação da empresa concluiu erro na pontualidade

No japão, as companhias valorizam a pontualidade e a satisfação dos clientes
No japão, as companhias valorizam a pontualidade e a satisfação dos clientes - AFP

Uma companhia japonesa de ferrovias divulgou um comunicado oficial se desculpando pelo adiantamento de um trem, que deixou a estação 25 segundos antes do previsto. 

O erro no horário aconteceu no dia 11 de maio, quando um trem da West Japan Railway Company deixou a estação de Notogawa, na região central do Japão, às 7h11min e 35 segundos da manhã quando o correto seria partir pontualmente às 7h12. 

As outras partidas aconteceram no horário, no entanto um passageiro se sentiu prejudicado por não ter conseguido entrar no trem das 7h12. No comunicado oficial, a empresa se retratou dizendo que o condutor se confundiu com o horário no relógio.

Em entrevista ao jornal Asahi, o porta-voz da empresa declarou que todos sentem muito por ter prejudicado aquele cliente. "Nós atrapalhamos muito nossos clientes e vamos nos esforçar para que isso não ocorra novamente". 

Dentre as medidas a serem tomadas para que eventos desse tipo não ocorram mais, está a "educação por meio de treinamentos". No entanto, se desculpar por estar adiantada é uma postura recorrente nas companhias ferroviárias japonesas.

Em novembro de 2017, outro trem deixou a estação 20 segundos mais cedo —o que levou a empresa Tsukuba Express Line a se redimir publicamente. 

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem