Você viu?

David Bowie invade estação de metrô em Nova York

Cantor homenageado em intervenções artísticas na estação morreu em janeiro de 2016

Uma intervenção artística feita na escada na estação Broadway-Lafayette, em Nova York, com uma imagem do cantor e compositor David Bowie
Uma intervenção artística feita na estação Broadway-Lafayette, em Nova York, com uma imagem do cantor e compositor David Bowie - Angela Weiss/AFP

Nova York

David Bowie invadiu os corredores de uma estação do metrô em Nova York nesta quinta (19), decorada com fotos do famoso cantor britânico morto em 2016, que viveu mais de 20 anos na "Big Apple".

A instalação, financiada pela plataforma de música online Spotify, é uma extensão da exposição "David Bowie is", atualmente no Brooklyn Museum.

Com grandes cartazes, a estação Broadway-Lafayette rende homenagem a Bowie até 13 de maio, relembrando seus anos na cidade, com fotos de um show na Madison Square Garden, de uma gravação em estúdio, ou de sua apresentação de "Elephant Man" na Broadway.

Um mapa gigante bairro batizado de "Bowie's Neighborhood Map" marca os lugares importantes para o artista, sobretudo a praza Washington Square Park, por onde adorava passear. O mapa não cita, contudo, seu apartamento no SoHo perto dali, onde viveu mais de 10 anos, até morrer de câncer.

Para se ambientar, a autoridade de transporte público nova-iorquina, a MTA, fabricou 250 mil cartões do metrô com a imagem do cantor, vendidas apenas nesta estação e na adjacente Bleecker Street.

AFP
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem