Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

BBB22

BBB 22 Jade fala da eliminação de Bárbara e diz não se arrepender do voto no Arthur

Influenciadora afirmou que está tranquila com sua atitude

Imagem da influenciadora Jade Picon
Imagem da influenciadora Jade Picon - Instagram/Reprodução
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Jade Picon se despede da sua segunda liderança consecutiva nesta madrugada desta quinta-feira (17), durante a festa do líder. Apesar de não ter muitos motivos para comemorar, afinal seu indicado não saiu no último paredão de terça (15), a influenciadora demonstrou estar confiante perante o jogo.

Em conversa com Linn da Quebrada na festa, Jade disse estar "tranquila" com suas escolhas feitas nos últimos dias, que acabaram culminando na saída de Bárbara, até então, sua aliada na casa. "Não me arrependo de forma alguma", afirmou.

No intuito de "mais uma resposta do público", Jade escolheu Arthur Aguiar para encarar o paredão pela segunda semana. Com o poder do contragolpe, ele escolheu Bárbara para o paredão. A modelo disputou a prova bate e volta com Natália e Laís, e quem acabou se dando melhor foi a médica.

Apesar de ter influenciado indiretamente a eliminação de Bárbara, Jade concluiu que não faria diferente e que está lá para jogar. Eliminada com 86,02%, Bárbara comentou sobre a atitude da amiga Jade durante sua participação no programa "A Eliminação" (Multishow) nesta noite.

Questionada pelos apresentadores se faria diferente caso tivesse oportunidade, Bárbara garantiu que não se arrependeu de se entregar para sua aliança com Jade, e que mesmo sabendo da possibilidade do contragolpe, não é o tipo de amiga que interfere nas escolhas dos outros.

No entanto, a modelo gaúcha alfinetou Jade e inclusive, em algumas dinâmicas, "cancelou" a influenciadora por conta da perseguição com Arthur Aguiar. Bárbara também deu a entender que acha Jade falsa ao escolher ela como próxima eliminada.

"Alguns relacionamentos não são genuínos, algumas alianças se formam de uma forma não tão verdadeira. E se tem uma coisa que o Brasil não permite é falsidade. O Brasil não perdoa um sinal bem dado que não foi acolhido", disse ela em tom de brincadeira.​

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem