Televisão

Famosos saem em defesa de Evaristo Costa, demitido da CNN Brasil por telefone

Atrizes, atores e jornalistas não pouparam elogios ao apresentador e críticas à CNN

Evaristo Costa na CNN
Evaristo Costa na CNN - Instagram/ cnnbrasil
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O jornalista Evaristo Costa, 44, ficou em destaque nas redes sociais após comunicar, na noite desta sexta (3), sua demissão da CNN Brasil. Seguidores anônimos e muitos famosos se solidarizaram e criticaram a forma como o profissional foi tratado.

O ex-apresentador do semanal CNN Séries Originais postou no Twitter e no Instagram dizendo que descobriu não trabalhar mais na emissora ao não encontrar seu programa na grade de programação.

Iniciou o texto com a frase: "O pai tá ON", e seguiu narrando o fato. No final, escreveu: “Quando me recuperar do ocorrido, dou os detalhes que ainda estão sendo acertados. Livre na pista”.

A atriz global Marina Ruy Barbosa pediu para Evaristo Costa voltar à TV Globo, emissora em que trabalhou por quase 20 anos. A ruiva escreveu “Volta pra plim plim! Amava você no jornal”.

Marcos Mion, que estreia neste sábado (4) no comando do Caldeirão, em substituição a Luciano Huck, que assume o Domingão na platinada, fez um desabafo.

“As emissoras de TV ainda precisam aprender a se desligar dos seus funcionários. É muito louco…eu que o diga! Mas eu que o diga também que na sequência sempre vem algo muito maior e melhor!”, escreveu —Mion foi demitido da Record no início do ano.

O jornalista Dony De Nuccio, que também atuou na bancada do Jornal Hoje, como Costa, levantou a bola do colega e aconselhou: “Já compra um chip adicional, meu amigo. Vai faltar telefone e braço para atender tanta ligação com novas propostas e contratantes!!”

A atriz Fernanda Paes Leme e o ator Ary Fontoura igualmente se manifestaram, otimistas, em apoio ao jornalista.

Evaristo Costa foi contratado pela CNN Brasil no primeiro semestre de 2019, mas estreou na programação da emissora somente em maio do ano passado —atrasado por causa da pandemia de Covid-19— com a versão nacional de documentários jornalísticos nos moldes do Original Series, da CNN americana.

Em nota, a emissora disse que retirou o programa do ar por “decisão estratégica e de programação”. No horário, estreia no dia 16 de setembro o CNN Business, que será apresentado por Phelipe Siani e Fernando Nakagawa.

Com as mudanças, a emissora informou que o contrato do apresentador Evaristo Costa será encerrado. A CNN destacou o talento, profissionalismo e carisma do jornalista para a construção do sucesso da emissora.

“A empresa agradece a parceria, reconhece no apresentador um dos maiores talentos em atividade hoje na TV brasileira e deixa abertas portas para oportunidades futuras”, encerra a empresa.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem