Televisão

Marcius Melhem diz que se afasta da Globo para cuidar de sua filha e não por denúncias

Ator e roteirista pediu licença de quatro meses à emissora

O humorista Marcius Melhem
O humorista Marcius Melhem - Marcus Leoni-8.mai.2018/Folhapress
São Paulo

O ator, escritor e humorista Marcius Melhem, 48, afirmou que a decisão de se afastar de suas atividades profissionais na Globo é em razão a um problema de saúde de uma de suas filhas. Ele pediu uma licença de quatro meses à emissora. Ele é casado com Joana Rosenfeld, com quem tem duas filhas gêmeas, Nina e Manuela.

"O motivo do seu afastamento se deve a um problema de saúde que uma de suas filhas está atravessando, necessitando de uma cirurgia, que será realizada nos Estados Unidos, onde a família deverá permanecer, parte desse período, até a pronta recuperação da menina", disse o ator, em nota, por meio de sua assessoria. 

O comunicado diz ainda que a "decisão de se afastar de suas atividades na emissora foi do próprio Melhem e não tem relação alguma com as maldades veiculadas". Diz ainda que o ator sempre "manteve uma postura reservada da sua vida pessoal, sobretudo o que diz respeito às suas filhas, as quais nunca expôs em nenhuma ocasião".

Melhem era responsável pelos projetos de humor da Globo. Com seu afastamento, Carlos Henrique Schroder assume a área de Criação e Produção de Conteúdos da Globo e vai redesenhar a sua estrutura de dramaturgia. 

De acordo com comunicação da Globo, os projetos de humor, assim como os de dramaturgia diária e semanal (novelas e séries), ficarão agora sob a responsabilidade direta de Silvio de Abreu, que compõem o time de gênero dos Estúdios Globo ao lado dos diretores de variedades Mariano Boni (programas de entrevistas e talk shows) e Boninho (programas de auditório, realities, games e musicais).

No final de 2019, o nome de Marcius Melhem foi envolvido em casos de supostos assédios morais. Em dezembro de 2019, de ​acordo com o colunista do UOL, Léo Dias, atrizes como Dani Calabresa, Renata Castro e Maria Clara Gueiros procuraram a direção da Globo para se queixarem de assédio.

Após a divulgação da notícia, Gueiros usou as redes sociais para afirmar que não havia sido vítima de assédio moral: "Esclarecendo: Eu não fui vítima de assédio moral e não fiz denúncia". Na época, alguns sites chegaram a noticiar que Marcelo Adnet teria testemunhado a favor das mulheres.

Em recente entrevista ao F5Adnet disse que não presenciou nada. "Até saiu que eu testemunhei e me coloquei do lado delas, mas isso não aconteceu. Também não quis desmentir oficialmente para não parecer que eu não estava do lado delas. É muito simples. O Marcius é meu amigo, a Dani Calabresa também, todos se falam e acho leviano falar porque não presenciei."

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem