Televisão

Bruna Hamú começa a gravar 'A Dona do Pedaço' e torce para personagem ser filha de Maria da Paz

Joana aparecerá no capítulo 100 e será aliada da protagonista

Bruna Hamú Instagram/brunahamu

Cris Veronez
Rio de Janeiro

Após três anos afastada das novelas, a atriz Bruna Hamú, 29, começou a gravar nesta semana suas primeiras cenas em “A Dona do Pedaço” (Globo), que devem ir ao ar no capítulo 100, previsto para quinta-feira (12). Ela conta que já conheceu Juliana Paes, 40, e Caio Castro, 30, e ainda provou o famoso bolo da protagonista, Maria da Paz. 
 
“É uma gratidão imensa poder fazer parte de uma novelas das nove, ainda mais sendo do Walcyr [Carrasco], e com atores que eu sempre admirei tanto. Estou ansiosa e um pouco nervosa para começar [risos], mas vai dar tudo certo. Me acolheram super bem”, afirma a atriz, que deixou a família em São Paulo para gravar no Rio. 

A atriz vai aparecer na pele de Joana, uma enfermeira que ajudará Maria da Paz (Juliana Paz) durante um assalto, dando início a uma grande amizade e alimentando a suspeita de que Josiane (Ágatha Moreira) pode ter sido trocada na maternidade. O público e mesmo Hamú já torcem para que Joana seja essa suposta filha perdida. 

“Acho que ia ser legal. A Joana e ela [Maria da Paz] têm uma identificação muito forte, logo de cara. Vejo a Joana muito como a Maria da Paz, nessa coisa de ser guerreira, de correr atrás, da bondade, de querer ajudar os outros e de acolher (...) Mas tenho que estar preparado pra tudo. Ainda tem muita novela para rolar”, afirma Hamú. 

O que é certo por enquanto é que Joana balançará o coração do lutador Rock (Caio Castro). “Sei que o Caio Castro é ótimo, muito generoso em cena. Acho que vai ser uma parceria bem bacana. Torço pelo casal. O Rock é fofo”, completa a atriz. 

MATERNIDADE

Apesar da empolgação com o novo trabalho, Hamú diz estar com o “coração minúsculo” por deixar o filho, Júlio, 2, em São Paulo. Segundo ela, a mudança para o Rio foi feita às pressas e, por isso, não conseguiu planejar a mudança do filho também, que fica aos cuidados das avós e do pai, o empresário Diego Moregola, marido da atriz.

“Não quero ficar muito tempo longe dele. Todo final de semana quero vê-lo, ou então meu marido vai trazê-lo. Vamos dando um jeito. Durante a semana ele está lá com gente que ele ama, super feliz”, afirma. 

A atriz, que engravidou quando estava no ar como a patricinha Camila, da novela “A Lei do Amor” (2016), conta que a gravidez não foi programada, mas que foi motivo de muitas transformações pessoais. Ela pensa, inclusive, em ter outro bebê, mas não por agora.

“De uma lagarta, você vira uma borboleta. Eu descobri um mundo novo. Foi transformador. Todos os clichês sobre a maternidade fazem muito sentido. É tudo real. Cresci e amadureci muito. Hoje, enxergo o mundo com os olhos do meu filho. Acho que aprendo muito mais com ele do que ele comigo”, reflete.

Acostumada a ficar com o filho todos os dias, exceto durante o período em que ele fica na escola, Hamú diz que esta é a primeira vez que se afasta da cria por tantos dias. “A minha mãe fica mandando vídeos e o pai dele também. É sempre emocionante assistir. Dá até vontade de chorar [risos].”

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem